Como parar


Existe um debate em forums internacionais de calvície e no Propecia Help se a descontinuação da Finasterida deve ser abrupta ou gradual. É um assunto bastante controverso. Não existem pesquisas a respeito. Mas em teoria, o que se discute é que a suspensão gradual (diminuição gradativa da dose) poderia favorecer a adaptação do corpo à retirada do remédio. Assim, o corpo voltaria a produzir DHT gradualmente e reestabeleceria o equilíbrio mais facilmente. O que é certo é que muitos membros do Propecia Help experimentaram o que se chama de "crash" - (ataques de ansiedade, pânico, insônia, irritabilidade, instabilidade emocional, mal estar, piora acentuada na parte sexual, etc... de forma intensa e num curto período de tempo) - quando pareciam estar melhorando, algumas semanas após parar o uso de Finasterida. Se isso foi favorecido pelo corte abrupto do remédio ou se essas pessoas já tinham a propensão a apresentar esses efeitos, não podemos responder. Cabe ao usuário escolher que caminho seguir. Parar de uma vez, ou gradualmente, reduzindo a dose aos poucos. Vale frisar que qualquer decisão deve ser acompanhada por um médico.
Nesse estudo podemos ver que existem diferenças no nível de DHT no sangue após 7 dias da última dose de Finasterida, a depender da dose.
Níveis de DHT após 7 dias depois de diferentes dosagens de Finasterida:









Termos de uso do site:


- O blog  riscosdofinasterida.blogspot.com.br tem como objetivo divulgar as experiências dos usuários e ex-usuários do remédio, além de pesquisas e notícias relacionadas ao tema. Também é objetivo do site divulgar as medidas que os usuários do site PropeciaHelp.com tem utilizado para melhorar dos efeitos colaterais persistentes causados pelo uso de finasterida 1mg. Os remédios e suplementos eventualmente mencionados nas matérias, notícias e comentários estão descritos com o objetivo de informar. Ao visitar o site, você entende que a descrição desses tratamentos, suplementos e remédios não é uma indicação de uso e a decisão de usar qualquer remédio ou suplemento é de sua inteira responsabilidade (visitante do site) e deve ser feita em conjunto com um médico. 
As informações, ideias, opiniões publicadas em riscosdofinasterida.blogspot.com.br não constituem um conselho médico profissional e não substituem o acompanhamento médico.
- O visitante está informado que deve procurar um médico a respeito dos temas discutidos nesse site, e qualquer consequência de não ter um acompanhamento médico é de sua inteira responsabilidade.
Ao acessar riscosdofinasterida.blogspot.com.br, você concorda que seguir qualquer informação adquirida através do blog, seja por uma matéria, notícia, opinião do moderador ou comentário de outro visitante é uma decisão somente sua, sob sua responsabilidade e risco.
- Ao visitar o blog riscosdofinasterida.blogspot.com.br, você concorda com os termos de uso do site. Se você não concorda com os termos de uso, por favor não visite o blog.

190 comentários:

  1. tomo o remedio a 2 anos e 6 meses, e nunca notei qualquer efeito colateral, mais estou convencido que devo parar de tomar, mais no meu caso devo seguir essa tabela?

    Desde já, Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pare mesmo, apesar de eu ter tomado apenas há 3 meses sinto muitos efeitos colaterais, nada com relação a ereção ou perda do líbido, porém tenho sensações horríveis como ansiedade e crises de pânico, é muito ruim não sei o que fazer.

      Excluir
    2. POIS É PESSOAL, TOMO ESSE REMÉDIO MANIPULADO FAZ 20 ANOS E SÓ AGORA AOS 45 ANOS, COMECEI A TER PROBLEMAS, PASSAR POR UM PERÍODO RUIM, BAIXA LIBIDO, PERDA DE ESPERMA ESTÕMAGO RUIM, COM AZIA, E O PAU SÓ FICA A MEIO MASTRO... ACHO QUE VOU PROCURAR O MÉDICO PRA VER.

      Excluir
  2. Iniciei o tratamento, tomei dois comprimidos somente. Para interromper o tratamento basta que eu pare de tomar o medicamento, não é? Não há risco para mim ainda né, ou dois dias de tratamento podem trazer efeitos colaterais?

    ResponderExcluir
  3. tomei finasterida por uns 9 ou 10 meses e parei de um dia por outro por causa do efeitos colaterais.
    agora estou a pouco mais de um ano sem tomar e ainda continuo com os efeitos colaterais.

    apesar de ter tido poucos e curtos períodos de COMEÇO de melhora.

    será se eu voltar a tomar durante um tempo e parar gradualmente vou ter alguma melhora ou seria melhor começar a usar o Tribulus ?!

    ResponderExcluir
  4. Obrigado pelas informações disponibilizadas. Hoje tomei o primeiro e último comprimido de finasterida !! Vou ficar só com o minoxidil tópico.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Será que realmente vale a pena? Vc evita o risco de impotência, mas aumenta o risco de ataque do coração... Só roubada!

      Excluir
  5. Parabéns pelo site, estava procurando na internet informações para tratamento de calvice e foi muito esclarecedor.
    Vou procurar um dermatologista para fazer um tratamento, mas com certeza não vai ser com finasterida.
    Obrigado.

    ResponderExcluir
  6. MeU namorado tomado esse remédio há 10 anos. Estamos juntos há quase um ano, e nao sabia que ele tomava este medicamento, mesmo ele tendo erecao, e notável a falta de libido e interesse sexual principalmente de manha. Ele tem tonturas ao ejacular em pé... Enfim ele nao acha que tem algum problema pois há erecao...nao sei como e se faria diferença se ele voltaria ao normal depois de tantos anos utilizando o medicamento. Preciso de ajuda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,

      Olha, é difícil prever o que pode acontecer. Ele pode continuar a tomar e manter o mesmo nível que ele está há 10 anos, existem pessoas que toleram esse medicamento. Outra possibilidade é ele continuar e ir piorando ao longo dos anos. Se parar, é possível que ele se recupere totalmente, existem casos assim, que mesmo tomando há muitos anos houve total remissão dos efeitos colaterais. Ou a Finasterida pode já ter afetado o organismo dele em algum nível. Enfim, é difícil dizer alguma coisa sem nenhum exame.
      Porque você não sugere que ele faça os exames de sangue citados na seção "como tratar"? Na minha opinião esse seria o primeiro passo, ver qual o real impacto que o remédio está tendo no corpo dele. Tente convencê-lo a consultar um endocrinologista e fazer os exames de sangue.

      Excluir
  7. Olá, parabéns pelo seu trabalo neste blog.

    Recentemente comprei o livro "4 Horas para o Corpo" do Timothy Ferris e conheci os efeitos da baixa da testosterona no organismo (dimunuição da libido, depressão, etc.) e de alguma forma ficava preocupado que a Finasterida fosse responsável por isso. Estou tendo muitos problemas de relacionamento (e profissionais) por conta da depressão leve e da minha baixa libido por conta da baixa testosterona.

    Lendo bastante material do seu blog, decidi parar de usar o medicamento. Vou começar a reduzir a dose e parar de tomar definitivamente.

    Parabéns pela iniciativa do blog! Vou compartilhar suas informações e tentar contribuir quando possível!

    ResponderExcluir
  8. usei finasterida por 3 meses mais ou menos esquecia de tomar alguns dias, parei o tratamento há um ano. tenho ereção mas não é como antes , dura menos e ejaculo rápido e pouco. tenho 41 anos e me arrependo de ter feito uso desse medicamento.

    ResponderExcluir
  9. Comecei a tomar finasterida ha apenas 3 dias por indicação do dermatologista! Sempre tive receio em relação ao medicamento! Neste ultimos dias nem tenho consigo dormir bem por estar sempre preocupado com os possiveis efeitos secundários do medicamento!

    Devo para imediatamente com a fina visto não ter um psicologico forte para aguentar com ele? Penso que 3 dias de uso não vai alterar em nada em termos hormonais, e quase como não tivesse tomado nada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,
      Olha, se você mesmo está me dizendo que seu lado psicológico não lida bem com a ideia de tomar finasterida, não vejo porque você deva continuar. Tendo tomado somente por 3 dias, também não faria sentido parar gradualmente. Então se você quiser descontinuar o tratamento, é só não tomar o próximo comprimido. Com relação à calvície, se você trabalhar seu lado psicológico, você se acostuma com a ideia de perder os cabelos, raspa e logo isso não faz mais diferença. Ou então faz um implante no futuro.

      Excluir
  10. Boa tarde! Tomei finasterida durante 1 mês e 2 semanas depois desse período derivado a um problema de saúde deixei de tomar e depois de ler a bula do medicamento também não quis continuar.
    Com este tempo de tratamento (um mês e 2 semanas) possíveis efeitos secundários podem aparecer? ou apenas somente durante um período maior de tratamento?
    Contactei um urologista e ele disse que era muito pouco tempo,, para não me preocupar mas tenho algum receio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,
      Se você não apresentou efeitos colaterais enquanto tomava a finasterida e já parou de tomar, não tem com que se preocupar. Em períodos curtos assim, pelo que já li em outros relatos, os sintomas aparecem durante o tratamento. Portanto, se você não teve problemas, ou se teve e já melhorou, fique tranquilo.
      Só em casos em que a pessoa tomou por muitos anos é que pode aparecer problemas depois de parar, porque nesses casos deu tempo o remédio causar um desequilíbrio hormonal.

      Excluir
  11. Se uma pessoa ja apresentou melhoras graduais meio lentas desde que parou com a fina pode ter chance de ter s sindrome pos fina? tipo melhorar ate um ponto e nao melhorar mais? Ou a SPF é caracterizada pela não melhora desde o inicio da parada do medicamento?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ja li relatos dos dois tipos de caso. Mas você deve manter em mente que vai continuar melhorando. Abraço

      Excluir
    2. quase 8 meses sem tomar e as melhoras são tão lentas que chegam a ser absurdas, acredito que em 1 ano não voltarei ao normal, a cada 15 dias noto uma melhorzinha de nada, acho que não será permanente mais sabe se la quantos anos ficarei semi- impotente puta merda, desgraça de fina 5 m, no meu caso pelo menos foi com a finasterida de 5 mg. E parece que eh mesmo a prolactina alta, pq tenho todos os sintomas exatos de homem com prolactina alta. Eu nem vou no médico pq tenho uma puta vergonha e sofro em silencio. O clomid seria ideal para meu caso? Resultado de tudo: Continuei ficando careca, continuei frustrado pela calvicie, e agora depressivo por ser quase broxa, não consigo trabalhar, nao consigo fazer nada, tenho irritabilidade, crises de panico, volta e meia insonia.

      Excluir
    3. Sinto muito por vc amigo,kra não sou medico nem nada mais axo que o clomid daria uma bela melhorada em sua libido e problemas causados pela finasterida ,clomid aumenta i muito a testosterona ,mais axo q vc deveria primeiro fazer um exame de dht,testosterona e outros ,fiz um ciclo de durateston i melhorei muito cara ,mais e ariscado

      Excluir
  12. Olá ! Sou usuário da finasterida há exatos, 10 anos. Sou da área da saúde e já lí muito sobre o assunto; tanto anteriormente, como agora, durante o tratamento ! Não tive os efeitos colaterais e se algo mudou, não podemos responsabilizar, sem critérios, o uso da medicação. Conheço vários impotentes, infartados, depressivos que não usam e nunca usaram essa medicação.Os estudos tem realmente apresentado dados alarmantes, que me preocupam. Mas ainda vou esperar novos estudos pra formular uma opinião com mais propriedade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tomo há mais de dez anos
      Meu cabelo cresceu tenho fotos deu uma queda na libido mas só foi isso
      Me sinto bem

      Excluir
  13. Olá, bom dia! Tomei o Finasterida por cerca de 45 dias, sendo que por alguns dias esquecia de tomar o comprimido. Notei de imediato os efeitos descritos. Iniciei o tratamento devido a minha esposa estar grávida, pois não é indicado para quem quer gerar filhos. Porém minha esposa perdeu o bebê após 5 meses de gestação e agora pretendemos ter outro(a) filho(a). Quando infelizmente aconteceu o aborto, parei imediatamente o tratamento e gostaria de saber se existe um tempo e/ou exame que deva fazer para saber quando poderei gerar filhos sem ameaças de má formação caso seja uma criança do sexo masculino.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,
      Na verdade o risco de má formação é se a mulher tomar o medicamento. Até hoje não foi comprovado se o risco é maior de má formação se o homem engravidar a esposa enquanto toma o remédio. No entanto, como é comum a queda na qualidade do esperma durante o uso de finasterida (motilidade, má formação de espermatozóides e quantidade) supõe-se que existe a possibilidade de o risco de má formação seja maior (o que pode ser um risco mínimo ou maior, não se sabe). O que você pode fazer é um espermograma e se necessário, repeti-lo após 3 meses. Assim você saberá como está a qualidade do seu esperma. Se o resultado do exame der normal, o risco é igual ao de qualquer homem na sua idade.

      Excluir
  14. Ola,
    Faço uso da finasterida 1mg há 7 anos, desde os 17, tendo parados por algumas vezes em períodos não maiores que dois meses.
    Sempre estranhei a ausência de vontade em fazer sexo, os caras da minha idade eram tarados por isso e eu sempre preferi estudar, ler, assistir documentários e afins... bem, eis que finalmente me dei a chance de começar um relacionamento, depois de alguns meses fui tentar fazer sexo, tive ereção durante as preliminares mas quando fui colocar a camisinha perdi rapidamente a ereção, era uma situação de stress por ser a primeira vez e estarmos na minha casa com gente e tudo mais...na segunda vez consegui, durou cerca de 45 minutos fora as preliminares mas eu não ejaculei, tentamos uma terceira vez e apesar de ter ereção novamente ela se foi ao colocar o preservativo, foi muito frustrante...raramente tenho ereções matinais, eu deveria te-la todo dia?
    Procurei um urologista e vou fazer alguns exames, mas o papo foi justamente o de "é psicológico"m vou requisitar assim que eu voltar os exames sugeridos na página de "como tratar spf".
    Minha dúvida maior a princípio é:
    Se eu parar agora, reduzindo a dosagem, eu posso ficar pior do que estou, é provável que apareçam sintomas piores ou que tudo se agrave num quadro mais complicado?
    Vale a pena parar tendo o risco de piorar a situação?
    Obrigado pela ajuda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Butter,

      Sim, o normal é ter ereção matinal todas as manhãs, ainda mais na sua idade. A decisão de parar ou não é muito pessoal, mas se você não parar, nada vai mudar não é? Parando de tomar você vai melhorar ao longo do tempo (ou até em poucos dias-meses, depende da pessoa). Olha, os casos de piora depois que para são mais comuns em quem não tem efeito colateral nenhum enquanto toma o remédio. Se houver um crash ou uma pequena piora no começo, isso é temporário e depois seu corpo começa a melhorar. Mas não acho que você deve pensar assim, a maioria dos homens melhora quando para a Finasterida, mesmo que a melhora não seja 100% imediatamente em alguns casos.
      De acordo com o Propecia Help, diminuindo a dose gradualmente você reduz suas chances de ter um crash. Pense positivo. Um abraço

      Excluir
    2. E obrigado pela ajuda, o blog foi assustador no início mas muito esclarecedora, espero conseguir uma vida normal ao parar.

      Excluir
  15. Ola,
    Pois é, meu único medo é o de parar com a medicação e a coisa piorar, pq, pelo o que eu tenho lido, meu caso não está tão ruim assim perto dos depoimentos que vi...então estou receoso de parar e "arruinar" por assim dizer minha vida como vi em muitos depoimentos...o que estou tomando é veneno, isso ficou claro, e se parando a única possibilidade é de melhorar e/ou estacionar, então o melhor é parar certo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente. Não se assuste se você tiver um pouco de ansiedade ou insônia quando parar. Não se impressione para não achar que está piorando. É temporário. Procure ter uma alimentação natural nesse período, evite cafeína e faça exercício físico. Vai ficar tudo bem.

      Excluir
    2. Olá,
      Agradeço a ajuda, eu tenho uma vida bem regrada, sem cigarro, bebida e qualquer outra coisa, atividade física regular, o único problema é a carga de stress absurda, enfim, muito obrigado pelo suporte, esse blog é muito importante para nós.
      Pesquisei como ir parando alguns medicamentos e penso em fazer o seguinte: 1 comprimido, dois dias sem, durante 15 dias, depois 1 comprimido, 4 dias sem, durante 15 dias, por fim 1 comprimido, 6 dias sem, durante 15 dias, e dai acabou. É uma forma sensata e segura de parar ou possui alguma sugestão melhor?
      Por hora é isso, muito, muito obrigado, vocês estão ajudando a salvar vidas.

      Excluir
    3. Olha, nós não podemos indicar dosagens ou forma de uso de medicamentos. Se você quiser, posso encaminhar seu email para outros leitores e eles podem lhe contar como fizeram. Mande um email para o endereço de email do site e eu encaminho seu email para ele.

      Excluir
    4. Olá,
      Ok, perdão, realmente está escrito nos termos de uso do site.
      Já enviei o e-mail. Grato.

      Excluir
  16. Ola, se um homem toma o finasterida por anos e não sente os efeitos colaterais, na hora em que ele parar ele vai sentir os efeitos? E se sim, os efeitos passam ao longo dos anos ou ficam para sempre?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não necessariamente. Muitos homens param e não sentem nada (provavelmente a maioria). O que não se sabe é a quantidade dos que sofrem efeitos colaterais persistentes. Existem os três grupos: os que sentem efeitos colaterais e esses passam em pouco tempo, os que sentem efeitos e eles são persistentes e os que não sentem nada de diferente. Infelizmente não há dados de pesquisa para saber qual a porcentagem dos homens que tem esses efeitos.

      Excluir
  17. Acima está escrito que um voluntario do blog sofre com SPF a mais de 5 anos, sabe se no sexto ou setimo ano os efeitos passaram ou ainda persiste?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda persistem. Ele minimiza os efeitos com exercicio físico e dieta.

      Excluir
  18. Ola, se um homem que toma finasterida por bastante tempo pensar em ter um filho, é aconselhavel parar quantos anos antes? E pode acontecer de a criança nascer com algum problema?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os médicos aconselham parar um mês antes de tentar engravidar sua parceira. Com relação à criança ter algum problema o risco é se a mãe tomar ou manusear o comprimido de finasterida. Segundo os laboratórios, não há risco se homem parar de tomar e tiver um filho.

      Excluir
  19. Ola, tenho 25 anos e tomei finasterida por 3 anos, começando aos 20.
    Estou a 2 anos sem tomar, nunca senti efeito colateral durante ou depois do tratamento. Quero saber se eu voltar a tomar finasterida agora, pode ocorrer um desequilibrio hormonal? E as chances de sentir efeitos colaterais aumentam ou não alteram?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 1. Sim, pode. A cada vez que para ou retoma o tratamento, há interferência no equilíbrio hormonal.
      2. Não há um dado oficial, mas a minha impressão é que o risco de desequilíbrio aumenta num segunto ciclo. Já li alguns depoimentos assim, que o homem não sentiu nada num primeiro ciclo e teve problemas no segundo.
      Desculpe a demora em responder, seu comentário havia sido registrado como SPAM, por isso não vi.

      Excluir
  20. Com 5 meses de tratamento os sintomas têm perigo de se tornarem permanentes??


    Por favor, me ajude. Aquele desgramento daquele médico me mandou tomar isso sem pedir exames antes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é o tempo de uso que determina se os efeitos serão persistentes ou não. Ao que parece, alguns homens tem propensão a desenvolver esses sintomas e outros não. Não há um teste para saber isso. O que há a se fazer agora é parar o remédio e esperar seu corpo voltar ao normal. Não fique pensando que seus efeitos serão permanentes, muitos homens param de tomar e tudo volta ao normal. É preciso ter paciência e pensar positivo.

      Excluir
  21. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado : ´)

      Por que esse médicos continuam dizendo que não causa nada? Eles não se importam com nosso bem estar? É só dinheiro que conta? Hoje liguei na clínica na qual me receitaram o medicamento e eles continuam dizendo que é só um efeito psicológico, passageiro. Cara, que raiva!!!

      Excluir
    2. Um dia isso vai mudar, o problema está cada vez mais divulgado. O problema é que até lá quantos jovens terão que passar por isso? Realmente, dá raiva.

      Excluir
  22. Aproveitando a pergunta de cima, gostaria de saber se com 4 meses de uso desenvolvei-se sintomas de disfunção que durem um certo período de tempo.

    (Estou fazendo essa pergunta aqui para informar todos os que tomaram por pouco tempo, pois todas as pesquisas que li, tratam de pessoas que tomaram por mais de 2 anos)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é o tempo de uso que determina se os sintomas serão persistentes ou não. Alguns homens são mais suceptíveis a ter efeitos persistentes desse remédio. Não há como saber... É preciso esperar seu corpo ir se normalizando.

      Excluir
  23. Tenho uma dúvida: entre os que apresentaram os sintomas persistentes para além de 6 meses, qual a porcentagem daqueles que demoraram mais de 1 ano e os que demoraram 40 meses para que ficassem praticamente curados?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A única pesquisa que tentou mensurar esse universo foi a pesquisa da Universidade George Washington. Após um ano, entre os que desenvolveram efeitos persistentes:
      94% ainda apresentavam libido baixa, 92% disfunção erétil, 92% diminuição de excitamento, 69% problemas de orgasmo. Entre os usuários com mais tempo que haviam parado o remédio (haviam parado há seis anos), 20% ainda apresentavam sintomas não resolvidos.

      Excluir
  24. Na verdade, entre os que apresentaram efeitos colaterais, qual a porcentagem daqueles que tiveram os sintomas persistentes (mais de 6 meses)? Agradeço desde já

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já esses dados, não conheço nenhuma pesquisa oficial que tenha mensurado esse universo. Se servir como parâmetro, fizemos uma enquete aqui no blog, no ano passado, com o seguinte resultado:

      Tomo Finasterida, não tenho efeitos colaterais 142 votos (45%)
      - 45% afirmaram não ter efeitos colaterais com o remédio.

      Tomo Finasterida e estou tendo colaterais que me incomodam 100 votos (31,8%)
      Tomei Finasterida, parei e alguns efeitos não voltaram ao normal 73 votos (23,2%)
      - 55% afirmaram que tiveram efeitos colaterais, sejam temporários ou persistentes.

      Excluir
  25. É possível você parar após poucos meses, apresentar uma melhora no quadro e ter o tal crash depois de apresentar a melhora???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ou esse tal crash acontece com pessoas que tomaram por mais tempo?

      Excluir
    2. Sim, é possível. O crash pode ocorrer em pessoas que tomaram a finasterida por pouco ou muito tempo.
      Quando isso acontece, o crash ocorre geralmente entre 2 semanas a um mês que parou o remédio. Há uma melhora nas primeiras semanas, e então acontece o crash.

      Excluir
    3. Então, eu parei no meio de Abril e o crash parece que veio ontem.

      Excluir
  26. Esse tal crash é reversível ???? Quem tomou poucos meses tem mais chances de melhorar do que quem tomou por no mínimo um ano?

    E a testosterona? Se eu fizer um exame agora, uns dois meses depois de ter parado e que eu acho que to no crash, ela vai estar mais alta ou mais baixa? A testosterona livre e a outra que eu li por aqui.

    ResponderExcluir
  27. É que crash lembra algo que quebrou, acabou, pode embrulhar o presunto. Lembra algo que vai demorarar muito muito tempo para passar (se passar)

    ResponderExcluir
  28. Poderia me dizer se após 1 ou 2 anos tomando finasterida os efeitos colaterais aparecessem, existem casos em que os efeitos desapareceram mesmo com a continuação do tratamento? (Sem ter que parar de tomar o remedio)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depende do efeito colateral. Dores nos testículos, ereção um pouco menos rígida (mas sem dificuldade para ter ereção), diminuição da libido - já li casos em que o homem declara que continuou tomando e esses efeitos passaram. Porém, no caso de: perda de ereção matinal (acorda todos os dias sem), dificuldade de atingir uma ereção, dimuição grande na libido (muito desinteressado por sexo), fadiga e efeitos mentais (depressão, brain fog, perda de memória, etc), estes não desaparecem por si só ao continuar a tomar o remédio. Inclusive, cuidado com esse discurso do fabricante. O correto, no meu ponto de vista, seria informar o paciente a parar a medicação ao primeiro sinal de efeitos colaterais importantes. Tenho certeza que muitos casos de SPF teriam sido evitados assim. Muitos homens insistiram em tomar o remédio e efeitos que poderiam ser temporários se tornaram persistentes com o tempo.

      Excluir
  29. Tenho 28 anos e tomei a finasterida por 1 mês e 3 dias por indicação de um dermatologista.
    Nas duas primeiras semanas não senti nada de colateral, pelo contrário, até pareceu que a libido tinha aumentado e a ereção era tida mais facilmente. Na terceira semana, do nada perdi quase todo o interesse por sexo e por conta disso não conseguia ter uma ereção como antes. Meu pênis parecia ter ficado menor quando flácido (igual nos dias frios). Ficou assim por uma semana, praticamente sem interesse por sexo e sem uma ereção normal.
    Após essa terceira semana, minha libido e ereção começaram a voltar, mas completando 1 mês com o medicamento comecei a sentir fortes dores nos testículos (o dia todo, todo dia) e notei que um deles estava ficando menor que o outro. Isso bastou para me fazer parar com a medicação.

    Em resumo, esses foram os sintomas sentidos por mim em 1 mês e 3 dias de tratamento:
    Queda na libido de uma hora para outra.
    Dificuldade em ter e manter ereção.
    Diminuição do pênis quando flácido (como acontece nos dias frios).
    Dor nos testículos, com diminuição de um deles.
    Esperma aquoso mas em quantidade normal.

    Não tomo o remédio já tem 3 dias e as dores estão bem melhores, assim como a libido e as ereções.

    Infelizmente não estou entre os homens que não sentem os sintomas, mas para mim esses colaterais foram muito fortes e me fizeram parar com o medicamento. Felizmente após 3 dias estou me recuperando.

    Tenho que aceitar que vou ficar careca mais tarde, mas correr o risco de perder a saúde (talvez de forma irreversível) me tira o sono mais até que ficar careca.
    Alguns disseram que era tudo psicológico, mas não era não. Eu não tinha nada desses sintomas até começar com a medicação e na verdade não estava preocupado até que comecei a senti-los, então tomei minha decisão, não vou me arriscar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por compartilhar sua história!

      Excluir
  30. Comecei a tomar finasterida a uma semana, queria saber quais os efeitos que poderão aparecer e que eu não devo me preocupar, e quais os efeitos que se aparecerem eu tenho que suspender a medicação imediatamente?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Henrique,

      O ideal seria não tomar finasterida. A minha opinião pessoal é que a frase "eu não devo me preocupar" e finasterida não combinam. Mas se você quiser tomar, esses efeitos, APARENTEMENTE, são menos arriscados: ejaculação aguada, uma leve alteração na libido, uma dor eventual no testículo (que não é frequente e não piora com o passar dos dias), um dia ou outro que a ereção fica um pouco menos rígida (não com frequência). O problema é que não há como saber se o quadro vai se manter dessa forma. Nem há nenhuma garantia que se o quadro evoluir, será reversível.
      Bom, se o quadro evoluir para: efeitos mentais (depressão, síndrome do pânico, problemas de memória, ansiedade), efeitos físicos (fadiga, cansaço, dor intensa nos testículos, etc) ou efeitos sexuais mais sérios (dificuldade de conseguir uma ereção, queda muito grande na libido, ausência de ereção ao acordar, dificuldade de atingir o orgasmo ou prazer diminuido no orgasmo) na minha opinião, o homem deve parar imediatamente.

      Excluir
  31. Nesse caso, se o homem acabou de sentir os efeitos colaterais mais fortes e para de tomar finasterida imediatamente, as chances de se recuperar totalmente aumentam?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, com ênfase na palavra 'chance'. Nada é garantido nesse processo, é sempre um risco impossível de calcular. Ninguém sabe ainda porque alguns se recuperam totalmente e outros não. Existem casos de homens que pararam imediatamente após o surgimento do efeito colateral e mesmo assim a situação não se reverte. Existem homens que tomaram somente dois, três comprimidos e não voltaram ao normal ainda, depois de anos sem tomar. Na outra ponta do espectro você encontra outros homens que tomam por 5, 6, 8 anos e não tem nenhum efeito colateral significativo.

      Excluir
  32. Boa noite, além dos efeitos colaterais que você disse na resposta acima, o finasterida pode causar algum outro tipo de problema no fígado por exemplo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já vi alguns relatos de esteatose hepática. Mas é difícil determinar que a finasterida foi a causa. De qualquer forma, nesses casos o médico recomendou parar a finasterida.

      Excluir
  33. Como os medicos falam, o finasterida tem alguma coisa a ver com o psicologico? Por exemplo, o homem que começa a tomar ja sabendo dos provaveis riscos de efeitos colaterais, esse tem mais chance de desenvolver do que aqueles que nem sabem sobre risco algum?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gabriel,

      Alguns sintomas, em alguns homens, podem ser induzidos por uma questão psicológica, outros não. Esses sintomas são: ansiedade, perda de ereção na hora do sexo, falta de libido. Porém, os seguintes sintomas não podem ser explicados por uma questão psicológica: perda das ereções matinais (ao acordar), elas são involuntárias, uma queda no nível de testosterona não pode ser explicada por um fator psicológico. Falta de libido muito grande, perda de ereção na masturbação, alterações de orgasmo, diminuição do volume ejaculado, alterações no pênis, diminuição dos testículos, depressão, etc. Resumindo, a maioria dos sintomas de SPF não podem ser explicados por questões psicológicas. A Síndrome pós Finasterida não é, absolutamente, uma doença psicossomática.
      Com relação à segunda pergunta: A resposta é não. Há alguns anos ninguém sabia da possibilidade de desenvolver SPF e mesmo assim tantos homens desenvolveram... O homem vai desenvolver SPF tomando finasterida se tiver a propensão a desenvolver o problema. Não é o psicológico que altera uma pre disposição física. Porém... na minha opinião, essa "intuição" deve ser levada em conta. Se você está com medo de tomar, melhor não tomar.

      Excluir
  34. No caso de ginecomastia, isso só aparece em homens com um pouco mais de peso ou pode aparecer em homens magros também?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode aparecer em qualquer homem que tome a finasterida. Magros também. A bula fala que 1% dos usuários desenvolvem ginecomastia. Duvide desse número, certamente é mais do que isso.

      Excluir
  35. Finasterida 1mg pode causar cancer de prostata no futuro ou isso é mentira?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Julio,

      Foi feito um estudo com mais de 18000 homens com mais de 55 anos. Nesse estudo, que durou 7 anos, ficou demonstrado que o índice de câncer de próstata entre os que tomaram finasterida foi 25% menor do que no grupo placebo. No entanto, dos homens que desenvolveram câncer, os do grupo finasterida apresentaram a forma de câncer mais agressiva em maior número. Então, segundo esse estudo, a finasterida reduz o risco de câncer de próstata. Porém, se o paciente desenvolver o câncer, a chance dele ser da forma mais agressiva é maior em quem toma finasterida. Por essa razão, desde 2011 o FDA emitiu um alerta de segurança aos médicos e profissionais de saúde. Esse alerta conta, entre outros pontos com as frases:
      "Finasterida e Dutasterida podem aumentar a incidência da forma agressiva de câncer de próstata." (não especifica a dosagem) e "Finasterida e Dutasterida não são aprovados como um meio de prevenção ao câncer de próstata."

      Excluir
  36. O finasterida 5mg pode causar mais efeitos colaterais do que o 1mg? Ou tanto um quanto o outro tem a mesma chance de acontecer os efeitos?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fábio,

      A Finasterida tem uma dose x resposta linear (flat dose response). Isso significa o seguinte: Se você cruzar os dados sobre o efeito da finasterida com o aumento da dose em um gráfico, o desenho do gráfico é quase linear, ao invés de uma curva ascendente. Então a diferença entre efetividade e efeitos colaterais com uma dose de 1mg ou com uma dose de 5mg é muito pequena.
      Ambos tem praticamente a mesma chance de ocorrência de efeitos colaterais, mas a dose de 5mg tem um risco um pouco maior.

      Excluir
  37. No caso do finasterida estiver provocando efeitos colaterais, o paciente pode substitui-lo pelo minoxidil, esse mesmo faz os fios de cabelo engrossar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Leandro,
      Nada impede que você troque a finasterida pelo minoxidil. O minoxidil é eficiente até certo ponto em retardar a calvície. Mas você não pode esperar que ele sozinho lhe dê o mesmo resultado que a finasterida dá em relação à calvície. Ele vai retardar a queda, vai ajudar a manter o volume e os fios, mas com o tempo você vai continuar a perder cabelo. Infelizmente a finasterida é o mais eficiente contra a calvície mas é o que tem os piores efeitos colaterais.
      Converse com seu médico e peça para ele trocar sua receita para o minoxidil.

      Excluir
  38. Ola, estou tomando finasterida faz quase um ano, e até agora sem nenhum efeito. Pretendo tomar por mais uns 9 anos, caso não apareça algum efeito colateral, mas gostaria de saber se tem algum periodo de pausa, ou devo tomar todos os dias sem parar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Alan,
      A indicação do fabricante é tomar todos os dias sem pausa. Nos EUA, a indicação dos médicos também é tomar sem períodos de pausa. No Brasil alguns dermatologistas indicam períodos de pausa como uma forma de prevenir (na teoria) que a finasterida perca o efeito com o passar dos anos. Eu nunca vi nenhuma pesquisa que indique que fazer uma pausa previne a perda de efetividade da finasterida. Ou mesmo que a finasterida perca o efeito com o passar dos anos.
      Essa é uma escolha sua e do seu médico. Na minha opinião, ao fazer uma pausa no meio do tratamento, você abre uma porta para o aparecimento de efeitos colaterais. Isso porque ao parar, você retoma a produção de DHT (que estava reduzido em 70%). O corpo tem que se adaptar ao retorno do hormônio DHT nessa quantidade e faz ajustes entre os outros hormônios para encontrar o equilíbrio do corpo. Quando o corpo está entrando em equilíbrio você volta a tomar a finasterida, bloqueando o DHT em 70% novamente. O corpo tem que fazer novo reajuste hormonal.

      Excluir
  39. boa tarde , sou mulher e tenho alopecia androgenica em estagio bem avançado minha dermato me receitou finasterida pois não pretendo mais engravidar ,ja usei minoxidil e avicis mas não tive sucesso , para mulheres quais são os efeitos colaterais desse medicamento ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,
      A Finasterida não é indicada para uso em mulheres, mesmo que não pretendam engravidar. Há um aviso inclusive na bula. Há médicos no entanto, que prescrevem Finasterida para mulheres "off label" - o que significa que o uso dessa forma não foi aprovado pelo órgão regulador de saúde americano, FDA. Os principais sintomas que as mulheres estão sujeitas são depressão e perda de libido. Mas já li relatos mais graves. Uma leitora do blog relatou além destes, atrofia do clitóris e ressecamento vaginal muito grande (que não passou mesmo depois de parar o remédio). Ela hoje move um processo contra a Merck (em outro país). O resultado da Finasterida na prevenção da queda de cabelo em mulheres não é tão eficiente, o que obriga o médico a receitar doses maiores que 1mg. Isso pode favorecer ainda mais o aparecimento desses efeitos colaterais.

      Excluir
  40. O uso de gel ou spray pode provocar a calvicie ou aumentar mais rapido o afinamento do fio do cabelo( nesse caso os homens que ja estão na fase inicial da calvicie)? E também um homem que toma finasterida pode usar gel no cabelo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi André,
      O uso de gel ou spray não aceleram a calvície. A calvície padrão masculina é determinada por fatores genéticos, e são esses fatores que vão determinar a rapidez da queda. Não há problema em usar gel no cabelo.

      Excluir
  41. A partir do momento em que os fios estão afinando, tem algum tempo padrão para que a calvicie comece a ficar visível, ou depende de pessoa pra pessoa? E também, pode uma pessoa perceber que os fios estão ficando mais finos, porem o cabelo se mantém estável por uns 10 ou 15 anos, ou a partir do momento em que o cabelo está afinando é só uma questão de tempo para o homem ficar calvo?

    ResponderExcluir
  42. O numero de pessoas que param de tomar o remedio e só vão sentir os efeitos colaterais depois, é maior ou menor do que as pessoas que sentem os efeitos durante o tratamento com finasterida?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Alan,

      Não existe nenhuma pesquisa a respeito. Vou lhe dar minha opinião, baseada apenas na observação. Eu acredito que o número dos que só sentem os efeitos colaterais depois é menor do que os que sentem efeitos durante o tratamento. Então, a classificação por ordem decrescente seria assim: O maior grupo não sente efeitos colaterais ao tomar ou depois de parar o remédio, um grupo menor sente efeitos colaterais durante o tratamento (desse grupo, os efeitos podem ser temporários ou persistentes), e um grupo ainda menor sente efeitos somente depois de parar o tratamento. A grande maioria dos homens que não apresentam efeitos colaterais durante o tratamento, para de tomar sem problemas e não desenvolve colaterais depois. Eu acredito que um risco maior é continuar tomando por anos, por sentir-se seguro de não ter colaterais. Aqui no blog mesmo você encontra depoimentos assim, descrevendo que tomou por 7, 8, 10 anos sem colaterais, e de repente começou a apresentar o quadro.

      Excluir
  43. O homem que começa a tomar finasterida logo na fase inicial da calvicie, e durante alguns meses ou 1 ano ele sente efeitos colaterais e para com o tratamento, o cabelo dele irá afinar mais rapidamente ou volta a afinar na ''velocidade'' que estava antes?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Breno,

      Ou volta a afinar na velocidade de antes, ou então pode acontecer de diminuir a velocidade, a calvície pode avançar mais devagar em quem teve efeitos colaterais e parou.

      Excluir
  44. Qual o maximo de tempo que alguém tomou finasterida? Você ja ouviu falar em casos de pessoas que tomaram por uns 20 anos?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gabriel,
      A finasterida 1 mg foi aprovada para o tratamento anti calvície em 1997. Então, o máximo que podemos encontrar é alguém que tenha tomado a dose de 1 mg por 16 anos. Já li um caso assim, que ele diz tomar desde o lançamento do remédio e relata que não tem efeitos colaterais. Já li alguns depoimentos de homens que tomam há 13 anos e há 11 anos também. Geralmente, quem toma por tanto tempo assim, não teve efeitos colaterais fortes, senão teria abandonado o tratamento.

      Excluir
  45. Tomei finasterida dois dias seguidos, depois parei uma semana e voltei a tomar nas duas semanas seguintes(1 por semana). Totalizando 4 comprimidos... O sêmen ficou mais ralo nesse período, então resolvi parar de vez. Tem alguma pesquisa indicando riscos no caso do curto tempo de tratamento(envenenamento)??.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,
      Fique calmo, você só tomou 4 comprimidos, num período de 15 dias a um mês você vai sentir que está tudo como antes. Com relação à sua pergunta, por mais que a finasterida possa causar efeitos colaterais, não podemos chamar isso de envenenamento. Não existem pesquisas que quantifiquem o número de casos de efeitos colaterais x tempo de uso. Mas pelos relatos que leio, é muito raro alguém tomar poucos comprimidos assim e ter efeitos persistentes. Fique tranquilo, você vai ficar bem.

      Excluir
  46. No caso acima, se o semem fica mais aguado é necessário parar de tomar o remedio para voltar ao normal, ou o semem pode voltar a ficar como era antes mesmo continuando o tratamento?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,
      O sêmen só volta a ficar com a consistência normal se você parar de tomar a finasterida. Continuando o tratamento, isso não vai reverter.

      Excluir
  47. Mas se parar de tomar finasterida e o semem voltar ao normal, pode voltar a finasterida novamente, ou o semem voltará a ficar aguado?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se o seu semen ficou "aguado" usando finasterida, sempre que você tomar o remédio vai ficar assim. Mesmo que pare e volte.

      Excluir
  48. Quando se diz no '' homem que não sente os efeitos colaterais durante o tratamento'', isso quer dizer que eles não sentem um efeito colateral minimo sequer?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A mudança na consistência do esperma é tão comum que eu acho que praticamente todos que usam a finasterida apresentam esse colateral. Já vi muitas vezes relatos de homens dizendo que não tinham efeitos colaterais e depois admitiam que a consitência do esperma mudou. Então, eu acredito que a maioria dos homens que usa o remédio tem pelo menos esse efeito colateral. Mas como não é uma coisa que incomode, costumam dizer que não tem efeitos adversos. Mas isso é muito difícil de quantificar. Primeiro porque performance sexual é uma questão muito privada e a maioria não fala sobre isso. Segundo porque nem sempre as pessoas falam a verdade.

      Excluir
  49. Mesmo com essa mudança na consistência do esperma, é possivel o homem engravidar sua mulher caso ele para de tomar finasterida alguns meses antes?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gabriel fiquei em dúvida se o que você quer saber é se você pode engravidar sua esposa (risco de efeitos ao feto, etc) ou se a finasterida tem efeito anticoncepcional. Vou responder as duas questões. A finasterida não tem efeito anticoncepcional, o fato de o esperma estar com consistência diferente, não significa que não há a espermatozóides ali. Perfeitamente possível engravidar sua esposa.
      Também não há risco de má formação ou problema ao feto se você parar de tomar o remédio antes. Alguns médicos realmente defendem que o homem deve parar de tomar o remédio antes de tentar engravidar a parceira. Geralmente, eles recomendam uma antecedência de pelo menos 30 dias.

      Excluir
  50. Quando se busca no google por finasterida ''antes e depois'', é possivel ver fotos com uma careca bem a mostra, e ao lado todo o cabelo preencheu esse local. lsso realmente funciona, aonde está com falhas o finasterida faz o cabelo cobrir aquele local?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nos locais onde o foliculo capilar já morreu, ele não volta a crescer, ou seja, áreas lisas não voltam a nascer cabelo. Onde há uma penugem, há o engrossamento desses fios e por isso aumenta a densidade. Nos locais onde a queda ainda está começando, a finasterida previne a queda desses fios.

      Excluir
    2. Bom saber disso. Tenho calvície bem avançada, mas na área afetada ainda existem alguns fios e muita penugem. Comecei a usar Finasterida + Mioxidil. Espero fazer essa penugem engrossar e virar cabelo de novo.

      Excluir
  51. Li varias materias, e na grande maioria eu percebi que os medicos dizem que a finasterida causam perda de libido, mas não acredito que seja apenas isto. Nos casos de que o homem sente os efeitos colaterais, o numero de homens que sentem apenas perda de libido é maior ou menor do que os que sentem qualquer outro tipo de efeito colateral?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito difícil que a perda de libido aconteça de forma isolada nos casos de efeitos colaterais da finasterida. No mínimo, existe também uma alteração na consistência e volume do esperma. Problemas de ereção também são frequentes em quem teve queda de libido pela finasterida. Mesmo que não seja uma perda de ereção completa, mas o pênis pode ficar menos rígido que o habitual. Existem outras alterações que não são relatadas como efeito colateral, mas acontecem: prolongamento do tempo para ejacular, uma dificuldade maior atingir a ejaculação e uma menor sensibilidade no pênis. Mas nem todos os homens prestam atenção a essas alterações e podem relatar que tiveram apenas queda na libido. Mas dificilmente uma alteração na libido é um fenômeno isolado, ela traz outros sintomas junto.
      Respondendo sua pergunta, então: dos que tem efeitos colaterais, o número de homens que sentem apenas queda na libido é menor do que os que tem outros efeitos colaterais associados.

      Excluir
  52. Atualmente o finasterida é o remedio mais vendido no Brasil e no mundo para o tratamento de calvicie? E existe outro remedio de uso oral que mais se aproxime do finasterida no quesito eficiencia?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A finasterida é o único tratamento anti calvície de uso oral a venda de forma oficial. A dutasterida nunca foi aprovada para o tratamento anti calvície pelo FDA. Outros comprimidos prometem fortalecer os fios como Pantogar e Imecap, mas eles não previnem a queda da forma que a finasterida faz. Após as notícias de que a finasterida pode causar efeitos persistentes sexuais, o total de vendas do Propecia tem caído por volta de 10% ao ano. Não sei lhe dizer se a finasterida é o mais vendido no Brasil e no mundo, suspeito que o minoxidil de uso tópico seja o mais vendido do mundo contra a calvície.

      Excluir
  53. Eu uso o medicamento a mais de 3 meses e não senti absolutamente nada. acho que as pessoas já vão com aqueles pensamentos de que vai ficar broxa e tal, e isso afeta o psicológico das pessoas. Li muito sobre o medicamento e conversei bastante com meus médicos antes de usar. Mas acho q esses efeitos são e pessoa pra pessoa.

    Enfim essa é minha opinião!

    ResponderExcluir
  54. Olá moderador, gostaria de saber o seguinte: como interpretar os resultados do exame sugerido numa seção deste blog? Prolactina deve ser alta ou baixa (por exemplo, próximo do limite baixo ou alto)? a mesma coisa seria para a testosterona livre e total, etc... Seria interessante colocar uma resposta com possíveis resultados normais em faixas de idade. O que se espera para um homem dos 30 anos ou 40 anos desses hormônios? O imecap Hair vi depoimentos bons (ele é um composto vitaminico. Em sua opinião e experiência, ele é bom mesmo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,
      Essa é uma boa sugestão, vou pensar numa forma e num local no blog para colocar essas informações, você está certo em querer saber quais os parâmetros esperados. O que não queremos é que o leitor deixe de consultar o médico, ele é quem deve interpretar os resultados. De uma forma geral para um homem de 30 a 40 anos: A prolactina deve ser de média para baixa (só não deve estar no limite superior), o estradiol não deve estar muito próximo ao limite superior, o valor da testosterona deve estar nos dois terços superiores da escala, a testosterona livre não pode dar muito baixa. Mas vale lembrar que em muitos casos de pós finasterida, os resultados hormonais são normais, e mesmo assim o paciente apresenta todos os sintomas. Sobre o Imecap Hair - como suplemento para melhorar a qualidade dos fios, pode ajudar em alguns casos. Como tratamento anti-calvície, não. Os fios vão continuar miniaturizando e caindo na mesma velocidade, você usando Imecap ou não.

      Excluir
  55. O minoxidil tem o mesmo efeito do finasterida, de fazer com que os fios finos voltem a engrossar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, o minoxidil tem um efeito menor. Ele tem um efeito bom em prevenir a queda, mas quanto a engrossar os fios a finasterida é mais eficiente.

      Excluir
  56. Como a perda de libido as vezes vem com outros tipos de efeitos colaterais pequenos, isso quer dizer que quando o homem parar de tomar finasterida ele terá SPF, ou não relação uma coisa com a outra?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lúcio,

      Não. O fato de ter efeitos colaterais não significa que estes serão persistentes. Há inúmeros homens que tem efeitos da finasterida e ao parar, depois de um tempo, os efeitos desaparecem. Nem todo mundo que tem efeitos colaterais da finasterida desenvolve SPF, mas se o homem continua tomando o remédio mesmo tendo colaterais, o risco de desenvolver algo persistente aumenta.
      O fabricante aconselha a continuar o uso do remédio, que com o tempo o corpo se adaptaria e os colaterais desapareceriam. Isso é um erro. O fato de ter colaterais é um sinal claro do corpo que a finasterida não está fazendo bem.

      Excluir
  57. Quando está aparecendo os primeiros fios finos, pode-se usar o minoxidil para que ele ''retarde'' o maximo possivel a calvicie, para depois ter que tomar o finasterida?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, nada impede que você use somente o minoxidil até decidir se quer usar a finasterida ou não.

      Excluir
  58. Olá bom dia !! tenho 27 anos e tomo finasterida a 2 anos e 6 meses...sempre tive relações com minhas namoradas, mas nunca fui um cara louco por sexo...hoje estou namorando e sinto que meu libido esta meio abaixo do normal, não consigo ter ereções satisfatórias...será que deve ser a finasterida ?? se eu parar de tomar ela hoje em quantos dias ela deixa de fazer o efeito e eu volto ficar normal ?? abraço .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A finasterida tem um efeito muito forte na parte sexual. Se você percebeu claramente que houve uma queda no seu desejo e desempenho sexual e isso não pode ser explicado por outros fatores, é bem provável que seja a finasterida.
      Após parar, em 15 a 30 dias você já vai notar diferença. Uma parte dos ex-usuários se recupera totalmente em até 2 meses após parar o medicamento.
      Uma outra parcela dos ex-usuários de finasterida demora um pouco mais para se recuperar totalmente.

      Excluir
  59. Nos casos em que a finasterida compromete os ossos, como por exemplo a osteoporose. lsso é comum ou raro, vc ja ouviu falar de alguns desses casos?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,
      Na verdade a finasterida não compromete os ossos e ela diretamente não causa osteoporose. O que pode acontecer é o seguinte: Se a finasterida causar uma queda muito grande na produção de testosterona no homem, num quadro similar ao hipogonadismo, e este homem levar muitos anos sem tratar esse quadro de testosterona muito abaixo do normal, isso pode levar a osteoporose. Mas isso é causado pela falta de testosterona. Até hoje só vi dois casos assim relacionados ao uso de finasterida. É possível que no futuro esses casos se tornem mais comuns, pois leva tempo para a deficiência de testosterona levar a essa situação. A finasterida para calvície tem apenas 15 anos de mercado.

      Excluir
  60. É possivel que o nivel de testosterona esteja baixo, mas o homem não sente algum efeito, ou caso isso aconteça irá aparecer algum efeito colateral? E mesmo que o homem não esteja sentindo nada, é recomendado fazer exames para ver como está o nivel de testosterona?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é possível. Se fazer o exame vai lhe deixar mais tranquilo, vale a pena sim. Até porque é recomendável checar os níveis hormonais e outros exames periodicamente enquanto faz o uso de finasterida.

      Excluir
  61. Durante o tratamento com minoxidil, pode usar gel no cabelo pelo menos de 14 em 14 dias? O gel pode atrapalhar a efeito do minoxidil, por ser de uso topico?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, pode sim. O gel não vai atrapalhar o efeito do minoxidil. O minoxidil age no couro cabeludo, na pele. O gel é usado no cabelo. Não há problema nenhum. O que pode acontecer é no dia que usar o gel você achar que caiu um pouco mais de cabelo, mas se acontecer isso é somente pelo atrito que o fio de cabelo com gel vai ter com um boné ou com a mão.

      Excluir
  62. Existe algum problema de tomar finasterida e minoxidil juntos?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, a combinação em si não vai lhe trazer algum problema, o risco é em usar finasterida.

      Excluir
  63. O minoxidil inibe o 5 alfa redutase?

    ResponderExcluir
  64. olá tenho 25 anos, tomei finasterida durante mais de 2 anos e parei agora a 20 dias pois estava com a libido bem baixa e estava tendo problemas de ereção...lembro que nem as ereções matinais eu estava tendo....bom, agora percebi que estou começando a ter as ereções matinais, será que isso é sinal que estou voltando ao normal ?? será que minhas ereções irão melhorar durante a relação ??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sinal que você está melhorando sim. Tem muito pouco tempo que você parou, o corpo leva um período para ir voltando ao normal. A tendência é que suas ereções melhorem, agora que você não está tomando mais o remédio.

      Excluir
  65. Minha experiência pós finasterida está sendo das piores que eu poderia imaginar! Acho que seria desnecessário citá-las pois a maioria dos sintomas citados nesse blog estão acontecendo comigo.
    Aconselho a todos que tomam ou pretendem tomar essa droga, que mudem de idéia!!! Não vale a pena!!!

    ResponderExcluir
  66. Ola tudo bem eu faço uso do medicamento ha mais de dez anos e nunca apresentei nenhum efeito colateral, estou muito satisfeito com os efeitos no cabelo, pois ja estava praticamente careca e hoje tenho boa contidade de cabelo, nao gostaria de ficar careca, mas vendo toda esta discussao sobre o remedio fiquei um pouco assustado porque nao quero ficar impotente, duvida parar ou nao parar? Se eu parar tenho a certeza que vou ficar careca, e fico com medo de parar e ter efeitos mesmo nunca tendo e outra e se continuar se continuar será que corro risco de ter visto que ja tomo ha mais de dez anos e nunca tive? Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,

      A sua decisão é mais difícil, justamente pelo fato do remédio ter funcionado bem com você. O fato de você nunca ter tido efeitos colaterais até agora não o torna mais propenso a tê-los no futuro. É possível que você continue tomando por muitos anos e não tenha nada. A segunda hipótese que você levanta é parar de tomar e começar a ter efeitos por ter parado. É possível, como também é possível parar e não ter os efeitos colaterais. A grande questão da sua decisão é que não existem garantias ou quantidade de informação suficiente para tomar uma decisão com certeza. Mas acho que você pode tomar uma decisão com base na sua experiência e com base na lógica. Já que você está tomando e não tem efeitos colaterais por tanto tempo, no seu caso pode ser melhor você continuar tomando. um caminho que você pode seguir é continuar tomando indefinidamente e só parar se algum dia aparecer algum efeito colateral. Talvez seja melhor evitar uma parada do remédio no momento, já que quando para de tomar há um reajuste hormonal e isso pode favorecer o aparecimento de colaterais (pode favorecer, não significa que todos tenham). Mas acho que você tem que fazer um exame hormonal para checar seus hormônios, se está tudo bem, principalmente o nível de testosterona. Outra questão que você deve ponderar é se pretende ter filhos no futuro, checar sua fertilidade através de exames. Se estiver tudo bem nos exames, e você não tiver efeitos colaterais como diz talvez seja melhor não mexer em time que está ganhando. Outra questão que você deve ponderar também é se consegue continuar tomando a finasterida sem ficar "encucado" depois de ter lido as notícias sobre o remédio. Se você continuar tomando, tem que ficar tranquilo. Se você resolver parar, no seu caso eu acho que é mais vantajoso parar gradualmente (se você decidir parar). Vai diminuindo as doses aos poucos por semana até parar completamente. Se não conseguir partir o comprimido, pede ao médico para receitar o remédio em doses menores (farmácia de manipulação) gradualmente.

      Excluir
  67. Ola,
    Em primeiro lugar gostaria de agradecer e parabenizar pelo blog, gostei de sua resposta, eu passei por uma medica (dermatologista) no ano passado ela pediu exame de sangue nao sei se tinha este de hormonio disse que estava tudo bem e disse que eu podia continuar tomando, mas de qualquer forma ainda este ano acho que vou passar em outro medico e fazer novamente, neste caso que especialidade voce indica? Acho que por enquanto vou continuar tomando, mas nao quero tomar a vida toda, mesmo porque parando para pensar qualquer medicação que voce toma por muito tempo deve afetar algo no corpo sim, eu acho. É vou tentar nao ficar encanado, mas acredito que nao vou ficar não, pois eu sou um pouco viciado em sexo e fico com vontade quase sempre, mas que me deu medo vendo tudo isso deu sim. Obrigado. E vou partipar sempre aqui gostei.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, fico feliz que a resposta tenha lhe ajudado de alguma forma. Com relação ao médico, se você for testar somente os hormônios sexuais, pode ser um endocrinologista. Se você resolver fazer o espermograma também, é melhor um urologista.

      Excluir
  68. Qual o minoxidil correto para se usar no tratamento da calvicie (5%, 3% ou 2%)? Ou todos tem o mesmo efeito?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A dose padrão para o tratamento de calvície é a concentração de 5%. Em casos específicos, o médico pode receitar uma concentração menor. O ideal é consultar um médico para que ele avalie o seu caso.

      Excluir
  69. Existe minoxidil em comprimido? Se sim, é possivel adquirir efeitos colaterais como o finasterida?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não. Para tratamento da calvície ele precisa ser aplicado no couro cabeludo.

      Excluir
  70. Gostaria que vc desse uma olhada nesse video : http://www.youtube.com/watch?v=fVK_ZDuK8rQ
    Nele o doutor diz que mesmo a pessoa não sentindo efeitos, o remedio faz uma bagunça hormonal, isso realmente acontece, ou somente sentindo efeitos para se ter algum problema hormonal?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode acontecer os dois cenários. Mudanças hormonais sem efeitos colaterais imediatos ou com sintomas. Também é possível ter resultados hormonais normais e sentir todos os sintomas de efeitos colaterais da finasterida. A finasterida causa mudanças bioquímicas que não são detectáveis nos testes hormonais comuns.

      Excluir
  71. O minoxidil faz os fios de cabelo engrossar ou faz nascer em areas que não existem mais cabelo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele não faz nascer cabelo em áreas onde não existem mais fios. O minoxidil age apenas nos locais onde ainda tem cabelo. Ele ajuda a engrossar os fios que estiverem miniaturizados e ajuda a evitar que esses fios caiam.

      Excluir
  72. Olá! Mandei uma mensagem pedindo um nome de médico mas acho melhor contar a minha história para pedir um conselho vital. Tomei finasterida por mais de 10 anos e nunca tive problemas que eu associasse ao remédio. Notei uma diminuição no tamanho do pênis mas os espermogramas diziam que eu era muito fértil. Achei que era idade ou outra coisa nem por sonho associei ao remédio. Comia muito, muito mesmo, e não engordava. Todo mundo se espantava com a quantidade de comida que eu comia mas como fui um adolescente muito magro achei que eu era predisposto a magreza. Pois bem, parei a finasterida e fiquei 2 meses sem qualquer efeito colateral. Repentinamente, em apenas dois dias senti meus testiculos subirem como se estivesse com frio, mas subiram tanto que chega doía. Depois disso não conseguia mais ter ereções e 25 dias depois do crash ´comecei a sentir tristeza grande, vontade de chorar. Comi um dia e senti minha barriga enorme, estufada, cheguei a me sentir mal. Foi então que desconfiei da falta da finasterida (algo havia mudado no meu corpo). Agora começa o dilema: tomei a finasterida (30 dias depois do crash) para ver se era isso e no mesmo dia tive uma ereção. No dia seguinte tomei outra, tive umas três ereções, me masturbei uma vez e tudo saiu ok. Pensei: Tenho que continuar tomando! Mas depois de mais 3 dias não tive mais ereções e já tomei 5 comprimidos seguidos (5 dias) depois do crash. Paro de vez novamente? Tomo uma ou duas vezes por semana até parar? Minha testosterona baixou (165) mas os outros exames estao normais (todos feitos depois do crash e antes de eu voltar a tomar). T3, T4, TSH ultra sensível, LH especifico, FSH, Prolactina, Testosterona Livre Calculada (50 pg/ml), índice dos androgênios livres (50), Testosterona Biodisponível (120 ng/dl), Creatinina (0,9), Glicose. O que eu faço?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,
      Sua mensagem pedindo o médico foi para a cidade de Fortaleza? Vi sua mensagem hoje. Desculpe, não conheço um médico com conhecimento de síndrome pós finasterida na sua região. Na verdade, pouquíssimos médicos no Brasil já reconhecem o problema. Mesmo dos que conhecem, não tem ainda um tratamento oficial. Tentamos fazer um cadastro de médicos que pelo menos reconheçam o problema, mas ainda não foi possível.
      Com relação à sua história, depois do primeiro crash não adianta voltar a tomar a finasterida. Muitos homens no Propecia Help já tentaram isso e não funcionou. Se tem pouco tempo que você parou de tomar, num primeiro momento você deve esperar um período pra ver como seu corpo vai reagir. Pode haver uma recuperação e um aumento na sua taxa de testosterona nos próximos meses. É preciso esperar e repetir os exames com 6 meses. Os médicos no exterior tem dado um prazo de 6 meses a um ano para a recuperação do corpo. IMPORTANTE: Se ao fim desse período, sua taxa de testosterona continuar muito baixa, o tratamento ideal para aumentar a testosterona em homens com síndrome pós finasterida é tentar a estimulação do eixo pituitaria-testiculos com medicamentos como clomid (que deve ser usado com supervisão médica, por um curto periodo). Através desse tratamento, muitos homens do propecia help conseguiram aumentar suas taxas de testosterona de forma definitiva, sem precisar recorrer `a terapia de reposição de testosterona (que é pra vida toda, incomoda, de dificil manutenção e irreversível). Mesmo assim, tanto o tratamento com Clomid ou com reposição de testosterona não funciona para vítimas de SPF do ponto de vista sexual. As taxas de testosterona aumentam, mas a libido ou ereção não melhoram como seria esperado e como ocorre normalmente em homens com hipogonadismo.
      Um outro ponto importante é ler a página "como tratar". Pode parecer que não, mas mudanças alimentares, de hábitos e alguns suplementos, conseguem atenuar muitos dos sintomas da síndrome pós finasterida.
      Por fim, existem dois estudos importantes em curso nos EUA, para tentar desvendar os mecanismos da doença. Por isso é muito importante preservar sua saude nesse momento, pois pode surgir um tratamento oficial nos próximos anos.
      Também é possível que seu corpo consiga reverter o problema com o tempo e que você tenha uma boa melhora com o passar dos meses. Isso é um ponto comum entre os relatos no Propecia Help: os primeiros meses após parar a finasterida são os piores e a situação tende a melhorar com o tempo.

      Excluir
    2. Amigo, poderia me dizer se vc melhorou sua parte sexual? visto que já se passam mais de 3 anos no seu caso. Eu estou passando pelo mesmo problema, estou a 5 meses sem a finasterida.

      Excluir
  73. Olá! Comecei a usar finasterida de janeiro de 2010 e parei em 21/10/2013. Fazia um bom tempo que sentia os colaterais, mas não tinha coragem de parar por medo da queda de cabelo, até que parei, como eu disse, e substitui pelo AVICIS. Em seguida fiz os exames de LH,T4L, TSH, testosterona livre, testosterona total, e prolactina; e a prolactina deu elevada, fora da faixa permitida. Então refiz o teste dia 06/12/2013 (infelizmente o médico colocou só prolactina) e a prolactina já baixou em níveis normais, porém estava numa faixa meio elevada. Depois que eu parei com a finasterida eu senti melhoras na libido e ereção (notei que a barba cresce mais rápido também), mas ainda está longe de ser bom e de como eu era antes. Agora dia 21 de janeiro faz 3 meses que parei e não estou bom ainda, quanto tempo em média eu preciso para ficar bom? Será que é possível eu ser como era antes ou, pelo menos, perto? (ps.: vou continuar realizando exames periodicamente, só que completos)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,

      Os médicos no exterior tem dado um prazo entre 6 meses a um ano para o corpo se recuperar. É sim possível voltar ao que você era antes, mas é difícil prever, pois o remédio causa problemas mais sérios em alguns e mais leves em outros.
      O melhor a fazer enquanto não há uma posição oficial sobre tratamentos, é se preservar, adotando medidas naturais que também podem ajudar na recuperação. Peço que visite a página "como tratar", lá existem dicas de como enfrentar o problema, com estratégias que tem sido usadas por membros do forum Propecia Help. A sua decisão de fazer exames periodicamente está correta. Nesse período de um ano muita coisa pode reequilibrar no corpo espontaneamente, como foi o caso da sua prolactina. Por enquanto observe, e faça os exames no futuro como você falou.

      Excluir
    2. SOCORRO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
      angelisp@hotmail.com
      FORTALEZA, CEARÁ

      Excluir
  74. Ola faço tratamento uns 2 anos nunca tive nada fora do normal tomo um comprimido por dia isso pode atrapalhar no futuro se eu for ter filho com uma mulher

    ResponderExcluir
  75. Boa tarde. Tomo o medicamento a uns 5 anos e nunca senti nenhum dos sintomas descritos no blog. Como meu medicamento acabou, fui procurar no google onde comprar, pois na farmacia onde compro está em falta, e achei o blog. Fiquei assustado com tudo o que li, não tinha a menor ideia de q o finasterida calsava isso em tantas pessoas. Vou aproveitar que o meu acabou e para de tomar por aqui...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você é um cara que tomou por 5 anos e está se baseando nas experiências de quem tomou por uns poucos meses?!

      Era você quem deveria estar relatando com maiores detalhes sobre o uso.

      Excluir
  76. Bom dia, meu nome é Milene e estou usando finasterida 1mg tem 3 dias. Notei que a queda dos fios aumentou bastante, isso é normal? Quanto tempo dura?

    ResponderExcluir
  77. Uso finasterida desde de 2013,as melhoras no cabelo são enormes realmente você passa de um quase careca a uma pessoa normal com cabelos.no entanto os efeitos colaterais são devastadores eu diria esse remedio acaba com o que todo homem precisa para toca sua vida normal com felicidade.seu sexual a vontade de fazer sexo a erecao e ridicula a gozada tambem fora que ligeiro o cara goza ficando totalmente constrangido na frente da sua parceira que vergonha da viu.
    Gostaria de saber se posso usar outro remedio em substituicao ao finasterida pois querendo ou não sem sem usar fina você assinar o atestado de que vai ser careca.
    Por favor mim indique um novo remedio pois nao queria ser careca ou calvo. Pode ser que os resultados nap sejam os mesmo mais se chegar perto e o cara volta a ter o tesão de antes ja vai ser show

    ResponderExcluir
  78. Tipo gostaria de usar minoxidil e outra coisa que iniba o hormonio DHT.

    ResponderExcluir
  79. gostaria de saber o valeriana comprimido para ansiedade e insoniade quantos mg tem que ser? e tomar quantas vezes ao dia? e sobre os hormonios parado de tomar o finasterida precisa de algo para regulariza-los? ou eles voltam ao normal com o tempo ?
    grato

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, acho que você me mandou um email e já respondi sobre isso correto? Mas de qualquer forma, vou repetir aqui: A posologia da valeriana está indicada na bula e você deve consultar um médico quando tomar um remédio.
      A tendência natural do corpo é, ao parar a finasterida, SE tiver acontecido alguma alteração hormonal, a tendência é o seu corpo buscar o equilíbrio. Lembre-se que não são todas as pessoas que tem alterações hormonais com a finasterida. Não é preciso tomar nada para regularizá-los na grande maioria dos casos. Apenas em quem apresenta uma taxa de testosterona muito reduzida que se indica o uso de algum medicamento. Pequenas alterações voltam ao normal com o tempo.

      Excluir
  80. Olá, tomo finasterida desde os meus 15 anos e não sei se a ansiedade, falta de concentração são efeitos do fina. Tomo da Medley ultimamente e antes tomava da EMS. Hoje tenho 19 anos, nunca tive problemas no sexo, só a vontade é mais baixa, nada mais que isso. Devo parar? Como parar? Os efeitos vão piorar? Me ajude pfvr, não sei mais o que fazer. To tentando tomar 1 dia sim e 1 dia não.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,
      Não fique assustado, o fato de que efeitos mais sérios acontecem com alguns homens não significa que você vai ter efeitos colaterais. Muitos homens tomam finasterida e param de tomar e não ficam com sequela alguma. Ansiedade e falta de concentração podem ser colaterais da finasterida, mas fica difícil comprovar uma ligação com pouca informação. No entanto, não há razão para achar que os efeitos vão piorar. A decisão de parar ou não é muito pessoal. Se a sua decisão for parar, o mais indicado tem sido ir reduzindo a dose e a frequência gradativamente. Se precisar de mais alguma informação ou ajuda, fique a vontade para escrever para o nosso email: riscosdofinasterida@gmail.com

      Excluir
  81. Tomo finasterida a 15 anos e nunca tive nenhum efeito colateral, sou de uma familia que todos estão carecas só eu tenho cabelos não tenho o que reclamar do medicamento e acredito que estes efeitos são mais psicologicos, li sobre diversos assuntos do tema e já procurei apoio de profissionais da área sobre a questão e percebesse que cria-se um monstro tão grande sobre o assunto que acaba afetando o psicológico das pessoas, vamos se preocupar também com a má alimentação, o uso de bebidas refrigerantes, frituras etc, tudo isto faz muito mal e boa parte das pessoas nem comentam.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você ler o blog direito, inclusive a parte de tratamento, vai ver o quão preocupado o autor do blog é com alimentação e saúde. Além disso, poderá ler relatos de gente jovem e saudável, que não fuma e não bebe, tendo todos os efeitos colaterais da finasterida, mesmo depois de parar o tratamento (ou seja, não é psicológico).

      Abrs

      Excluir
  82. Tenho 56 anos, usei finasterida por alguns anos e dos efeitos citados pelo site o unico que senti foi falta de concentração. Fiquei apreensivo após os depoimentos que li. Descobri em um site um produto por nome de follixin que promete milagres. O que o moderador me diz sobre isso? Obrigado

    ResponderExcluir
  83. Estou interrompendo o tratamento com a finasterida. Utilizei o medicamento durante 7 anos. Neste período, não notei efeitos colaterais que modificasse Minha atividade sexual nunca teve problemas, sempre apresentei ereções persistente e frequentes. Há uma semana parei com a medicação, meu libido dimiui e o tempo entre ereções aumentou.
    Tenho duvida se isso esta relacionado a um fator pisicologico ou um efeito da retirada do medicamento

    ResponderExcluir
  84. Por favor me ajudem, estou muito preocupado, me respondam. Usei finasterida 1 mg durante 3 meses aproximadamente, nunca tomei os comprimidos regularmente, sempre dei uma pausa de 2 ou 3 dias entre os comprimidos, o máximo que tomei foi 4 dias seguidos. Senti diminuição na libido e dificuldade em manter ereções, mas consigo me masturbar, ontem mantive relação sexual, mas no meio da relação senti que a ereção regrediu, com sexo oral voltou e consegui ejacular. O que mais me preocupa são as ereções matinais, tenho algumas ereções espontâneas. Preciso de ajuda, acredito que o tempo de administração da droga foi curto, parei a aproximadamente 7 dias, ontem notei uma pequena ereção noturna, mas não do jeito que era. Estou muito preocupado, quero saber das chances de recuperação já que tomei por muito pouco tempo e com administrações esporádicas. Meu psicológico está muito abalado.

    ResponderExcluir
  85. Olá.. Faço uso da finasterida tem 1 ano e 3 meses. Nunca tinha sentido alteração nenhuma. Porém há três dias eu venho sentindo dificuldade para ereção, nao tenho uma ereção completa. Estou viajando e só devo voltar a minha cidade daqui a 4 meses. Devo parar o tratamento mesmo assim?

    ResponderExcluir
  86. Tomo finasterida há 16 anos e nunca tive problemas!

    ResponderExcluir
  87. Uso finasterida há muitos anos e nunca tive problemas! Pelo contrário continuei com o mesmo cabelinho dos 18 anos hoje aos 36. VIDA SEXUAL NORMAL CASADO A 5 ANOS MAIS ESTOU HÁ 15 ANOS COM MINHA ESPOSA. Tive filho facilmente. Medicação super confiável.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo, que bom que com você ocorreu tudo certo, sem alterações nem nada. Mas não se pode pautar um remédio por UM EXEMPLO. Acredito que na maioria dos homens, a finasterida não irá causar efeitos colaterais fortes, mas o fato de que alguns desenvolvem efeitos colaterais, inclusive persistentes (que continuam após a suspensão do uso), é MUITO IMPORTANTE. As pessoas que decidem tomar finasterida devem saber que podem ter efeitos colaterais persistentes, inclusive sexuais (que é a área que mais dá medo, né? e que acaba afetando muito o psicológico também).

      Excluir
  88. Uso finasterida à aproximadamente 3 anos. Comecei a sentir os efeitos a 1 ano aproximadamente e não parei, pois pensei que poderiam estar associados à outras coisas. Falta de concentração, depressão, leve caida do libido e semêm menos consistente são alguns dos efeitos colaterais. Durante o tratamento esquecia de tomar varios dias, de forma que algumas semanas tomava 5 dias e depois ficava 2 dias sem tomar e combinações bizarras como esta. Isso aumenta severamente os riscos de efeitos colaterais? Gostaria de largar agora mas não sei o melhor método, alguem pode me ajudar?

    Obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho a mesma dúvida, pois fiz uso da finasterida de forma muito indisciplinada, inclusive com pausas de meses. Às vezes tomava direitinho todos os dias, durante semanas, às vezes parava uns meses, depois voltava a tomar, mas esquecia alguns dias etc. Será que isso bagunçou mais ainda e eu estou propenso a desenvolver SPF? Há 7 dias que não tomo, e não pretendo tomar nunca mais na vida.

      Possíveis efeitos colaterais que tive são sono leve, esperma aguado, e possível libido mais baixa (mas nada drástico, ainda mantenho relações praticamente diárias com minha namorada), a ereção nem sempre é das mais fortes (mas isso pode ser também idade, sei lá, já não sou um adolescente). Sobre falta de concentração, eu sempre fui meio avoado, então não sei dizer se a finasterida pode ter aumentado minha falta de concentração.

      Excluir
  89. Olá, acho que estou com problemas e deve ser por causa do finasterida... Tomo a mais ou menos uns 5 anos com algumas poucas pausas, pq esquecia de tomar alguns dias... E a maior pausa que estou sem o remedio é agora que estou mais ou menos 3 meses sem tomar, e a algumas semanas estou com problemas de ereção, sinto que tenho mt vontade mas não tenho ereção completa... Mesmo ao me masturbar... Tipo, nunca senti nada quando tomava, sempre tive uma vida sexual normal, o que devo fazer? Voltar a tomar, esperar um pouco, ou procurar um médico? Tenho 26 anos...será que não voltarei ao normal?? Estou bastante preocupado!

    ResponderExcluir
  90. Boa noite! Tomei finasterida por 3 anos e comecei perceber nitidamente os efeitos colaterais então parei. Meu dermatologista recomendou que eu diminuisse a dose a tomasse 1 para cada três dias para diminuir os riscos. Isso de fato diminuiria os riscos? Não poderia piorara situação por fazer um "ping pong" com os niveis de DHT? O que devo fazer? Desde ja obrigado!

    ResponderExcluir
  91. Creio que por não haver interesse comercial, por óbvio, os efeitos colaterais da finasterida não são amplamente divulgados. Fica o alerta para quem pretende ter filhos, pois a infertilidade causada por ele pode ser irreversível.

    ResponderExcluir
  92. Na verdade, a pessoa quando começa a tomar Finasterida deve estar ciente que, em troca de seus cabelos, perderá um pouco da qualidade de sua vida sexual. Os médicos não contam isso, porque querem que o problema capilar do paciente seja resolvido, e os laboratórios fabricantes omitem essa informação, porque querem vender bastante o produto.

    Depois de alguns anos de uso, a interrupção não pode ser abrupta. O organismo já se adaptou à droga e precisa se "desadaptar" sem maiores consequências. O esquema para retirada da droga se chama "desmame". Fazendo o desmame, os riscos de uma SPF ficam reduzidos. Veja abaixo um bom esquema:

    ESQUEMA DE DESMAME PARA ABANDONAR FINASTERIDA

    x = toma a droga.
    Os números são os intervalos de dias que ficará sem a droga.

    x 1 x 1 x 1 x 1 x 1 x 1 x 1 x 1 x 1 x 1 x 1 x 1
    x 2 x 2 x 2 x 2 x 2 x 2 x 2 x 2
    x 3 x 3 x 3 x 3 x 3 x 3
    x 4 x 4 x 4 x 4
    x 5 x 5 x 5
    x 7 x 7
    x 9 x 9
    x 12
    x

    Espero ter ajudado.
    Dr. Eduardo.

    ResponderExcluir
  93. Olá prezados!
    Quero aqui parabenizar pela inciativa desse blog! Se houvesse mais informações, como estas, quando surgiu a ideia da finasterida para prevenção da queda de cabelo. Muitos dos amigos não estariam na situação devastadora como me encontro hoje.

    Tive a desilusão de utilizar essa droga por mais de 10 anos. Sem me atentar aos efeitos devastadores que ela estava me trazendo.
    Bem, antes de tudo gostaria de relar, um pouco, o uso da fina em minha trajetória de vida que começou aos meus trinta e poucos anos. Conheci substancia quando ainda era representante de laboratório farmacêutico, visto minha curiosidade sobre ela e apesar de varias leituras sobre os efeitos colaterais que poderia causar no tratamento da calvície, assim mesmo resolvi assumir o risco do uso. Achava apenas que o problema de impotência seria para os indivíduos com certa pré-disposição e que alcançaria menos de 1% da população masculina, portanto a probabilidade de senti-lo seria mínima. Usei-o, com o passar do tempo não sentia a diferença na libido, pois ainda era jovem, e na rigidez peniana. Dessa forma, achava que estava fora do grupo de risco. Mas com o passar do tempo e o uso continuo não associava os sintomas de leve depressão, irritação constante, dor no peito, queimação na virilha e abaixo do saco escrotal aos efeitos nefastos da finasterida. Até aí achava que era minha vida atribulada, pois estava concentrado em minha carreira no serviço público e ao mesmo tempo a constituição de um pequeno negócio em que me mantinha 100% ligado e com o nível de estresse nas alturas. Foi quando cortei pela primeira vez o uso da finasterida, foi como uma bomba preste ao pino de acionamento ser arrancado. Explosivos sintomas de depressão, ressecamento da pele, dores terríveis pós-ejaculação e finalmente sangramento. Foi ai que minha situação se tornou terrivelmente macabro. Seguidamente procurei por diversos urologistas sem a menor experiência, onde os mesmo confundiam com prostatite crônica ou psicológica. Faziam-Me utilizar dezenas de antibióticos, sem necessidade. Foi ai que várias recorrências de crises por abstinência do uso da finasteriada minha situação se agravava mais e mais. Tudo isso sem me dar conta da maldita droga. Hoje tento me livra dela, mas os problemas prostáticos e as dores pela falta me fazem retornar por diversas vezes ao seu uso. Já tentei diversos desmames, sem sucesso. Não tenho mais esperança da cura, pelos problemas a mim causados. Tenho tido crises e mais crises de depressão, sangramentos, falta de sexo com minha esposa, já falei a ela que esta livre para achar uma pessoa que a mereça por completo, pois hoje não posso mais ser um homem completo para ela. Penso diversas vezes em dar um fim definitivo a isso, mas acho que sou covarde de mais para tentar ou fazer. Assim, continuo essa minha vida mitigada a dor e ao desespero.
    Essa é uma carta de um homem chegando ao fim de suas esperanças e uma tentativa de alertar aqueles que estão iniciando seus uso. PARE AGORA!
    Cleiton

    ResponderExcluir
  94. Eu tenho 28 anos , usei a finasterida 1mg aos meus 23 anos , por 2 meses , esta teve um impacto significado na qualidade da minha vida sexual, praticamente acabou com a minha libido, volume do ejaculato e ereção.
    As coisas melhoraram com o tempo, porém, no meu caso, eu desenvolvi um quadro de disfunção erétil situacional, situações estressantes, como medo de falhar na hora do sexo, parceria com quem eu não tenho intimidade, causam o famoso broxar.
    Claro, se eu pudesse voltar no tempo , não usaria a finasterida.
    Não recomendo a ninguém usá-la.

    ResponderExcluir
  95. Fiquei 9dias sem toma finasterida ser eu volta toma tenho algum efeito?

    ResponderExcluir
  96. Olá, tomei durante 6 dias o finasterida (genérico) e resolvi parar depois de ler todos esses efeitos maléficos do medicamento, existe a possibilidade de ter sido alterado algo no meu organismo com esse tempo tão pequeno de uso?

    ResponderExcluir
  97. Parabéns aos colaboradores que aui postaram seus comentários sobre os possíveis efeitos colaterais resultantes do uso da finasterida.
    Gostaria de saber de vocês que já usaram tal medicamento ou que ainda usam, se houve algum resultado positivo no tratamento da calvície.

    Grato!!

    ResponderExcluir
  98. Oi, adorei esse blog, tomei finasterida por 1 mês e 3 semanas, tenho 23 anos,no decorrer das 2 ultimas semanas comecei a sentir os efeitos colaterais, sexuais, neurológicos, insonia pensamentos confusos, e de suídeo e tribofobia, pele muito seca, coceira náuseas, dor de cabeça, secreções do nariz exageradas irritação com muita remela nos olhos, falta de apetite, tenho medo que isso possa ser para sempre penso em me suicidar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, tenha calma. Os primeiros meses após parar são os piores, depois tudo vai melhorar. Respondi sua mensagem por email.

      Excluir
  99. olá tenho 40 anos e tomo o finasterida há uns 15 anos e não percebo nenhum efeito colateral a pouco tempo estou sentindo dor de cabeça mas não sei se é por causa da finasterida,e penso em parar de tomar alguém experiente no assunto acha que posso desenvolver sintomas depois de parar?obd.

    ResponderExcluir
  100. Boa tarde, tenho uma dúvida sobre como parar de tomar a finasterida gradualmente. Quanto tempo leva para parar gradualmente, ou seja, se eu começar a parar de tomar gradualmente em quanto tempo eu estarei livre da finasterida?

    Eu tomei por 5 anos, como é bastante tempo eu acho mais seguro parar gradualmente.

    ResponderExcluir
  101. tomo finasterida a 4 meses e a queda de libido foi muito alta e agora notei um leve aumento da mama , decidir que vo para , muitos colaterais e nem um 1 ano de uso , queria saber como parar, e so parar de tomar de uma vez ou tipo ,1 comprimido a cada 1 dia e depois para

    ResponderExcluir
  102. oi, sou mulher e tomo finasterida 1mg há 7 meses. Nesse tempo percebi que fiquei mais ansiosa e depressiva. Agora estou sentindo tb fortes dores no pescoço e ombros. Penso em parar de uma hora pra outra. Será que essa é a melhor opção? Tenho chances dos sintomas de ansiedade, depressão e dor aumentar ainda mais depois que eu parar? Não sei o que fazer.

    ResponderExcluir
  103. Quem toma o medicamento por um curto período (3 meses), os efeitos colaterais somem com o tempo?

    ResponderExcluir