Dúvidas III

Espaço para tirar dúvidas sobre a Finasterida e Síndrome pós Finasterida

117 comentários:

  1. Tomei finasterida por 1 mês e 20 dias logo nas primeiras semanas comei a sentir os efeitos, estou com quase todos efeitos colaterais, mas vejo uma melhora um pouco progressiva, só estou tomando maracugina para ajudar a dormi te dado certo mais não tenho sono, porém durmo, quais os ricos deu adquirir a síndrome para toda vida?

    ResponderExcluir
  2. Ola moderador,
    estou com libido baixa igual a todos que aqui frequentam!
    fiz alguns exames:
    prolactina:16,37 ng/ml
    V.R: 2,60 a 13,10

    minha testo ta:
    385 ng/dl
    V.R:175 a 781)
    (fiz vários exames mais acho que esses são mais importantes)

    Como baixar essa prolactina?ou ela não tem efeito sobre a síndrome?
    aguardo respostas
    att
    vinicius

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. amigo quais os sintomas q esta sentindo e quanto tempo vc parou com a finasterida

      Excluir
    2. boa tarde amigo vc passou com algum medico especialista no pos finasterida eu tambem tomei po 8 anos faz 5 meses q parei mais estou sentindo os efeito um dos piores esta sendo dor de cabeça q ja ta com 3 meses direto vc conseguiu sentir melhoras e qua tempo o seu caso atingiu so a parte sexual

      Excluir
    3. baixar a prolactina é o dostinex ou carbetrix.

      Excluir
  3. moderador, tomei finasterida por quarenta dias mas ja estou sentindo os efeitos colaterais serios, não consigo ter ereções praticamente.
    queria saber se com esse periodo de uso os efeitos podem se tornar permanentes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parceiro, eu tomei finasterida por 38 dias e os únicos efeitos que tive foram na parte sexual (libído inexistente, perda de ereções espontâneas e noturnas, um quadro de disfunção erétil e ejaculação aguada). Faz 8 meses que parei com a fina e posso dizer que com o tempo vai melhorando. a única coisa que melhorou (e lentamente) foi a disfunção erétil, fui de completa impotência para ereções "meia-bomba"; no entanto, há dias em que elas se aproximam do normal.

      Excluir
  4. Olá, tenho 34 anos, tomei finasterida por 3 anos. Parei há dois anos. Durante o tempo que tomei finasterida ganhei quinze quilos de peso, minha barba ficou mais rala, porém não senti diminuição na libido. Quando suspendi o uso tive forte redução na libido, que permaneceu muito baixa por volta de um ano, neste mesmo período passei a ter problemas digestivos. Um ano após a suspensão do uso tive um aumento na libido repentino acompanhado de uma perda de 10kg em um mês. Agora, dois anos depois da suspensão, a libido e ereções estão normais, os problemas digestivos melhoraram, mas o cabelo nunca mais voltou a cair e a barba continua com falhas. Acredito que os níveis de dht ainda não voltaram ao normal, ou as células do couro cabeludo e barba continuem com receptores bloqueados. Moderador te pergunto em quanto tempo o dht volta ao normal? As células do corpo só responderão aos hormônios novamente depois de serem renovadas?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,
      O problema de medir o DHT é que é um exame muito impreciso. Existem vários pontos de conversão de testo em DHT no corpo (pênis, pele, próstata, etc) e ao medir a quantidade de DHT no sangue você não consegue saber se estes locais já voltaram ao normal, pois outros locais podem produzir mais para compensar. É bastante comum o padrão de queda de cabelo mudar completamente em pessoas com pfs. Muitas vezes, não volta ao padrão antigo mesmo que a função sexual tenha normalizado. Mesmo após anos.
      As células do corpo continuam respondendo a hormônios. Ela não responde ao DHT. A finasterida é um inibidor de 5 alpha reductase irreversível. O receptor que ela bloquear, está bloqueado. Só com renovação da célula, o que é mais demorado.

      Excluir
  5. Moderador,

    Você já ouviu falar no uso da glutamina visando ajudar quem sofre de problemas de ereção? Veja: http://lglutamine.wordpress.com/.

    Estou perguntando isso, porque minha nutri passou este suplemento, e quando eu tomo ele, percebo que minha ereção matinal melhora. Eu já suspendi alguns dias para ver esta coincidência. realmente, quando tomo, amanheço com ereção matinal.

    ResponderExcluir
  6. Moderador, li em uma pesquisa que usar cuecas samba-canção e dormir pelado aumenta a espermatogênese e a produção de testosterona porque diminui a temperatura dos testículos. Testei e relato que passei a ter mais ereções noturnas. Acho que essa informação pode ser útil para quem sofre de síndrome pós finasterida.

    ResponderExcluir
  7. moderador a testosterona no caso de quem usou finasterida ela consegui volta ao normal sem tratamento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depende do tamanho da queda. Se for uma queda muito grande, dificilmente volta ao normal sem tratamento.

      Excluir
  8. Moderador,

    Explica novamente: quando a pessoa afetada pela PFS, após se masturbar, passa a sentir os sintomas? Ou seja os sintomas são exacerbados? tem algum gatilho para isso na masturbação?

    Tou tentando ver alguma relação de causa e efeito nisto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os sintomas são exacerbados por algumas razões.
      1. Ao ejacular, o nível de prolactina sobe (normal), e alguns homens com SPF estão com prolactina elevada
      2. Ao ejacular há um gasto de elevado neurotransmissores momentâneo. Pessoas sem SPF repoem isso facilmente e rapidamente, homens com SPF podem levar mais tempo.
      3. Ao ter atividade sexual com excitação, há a estimulação do sistema imune. Os homens que estão tendo problemas como alergias tem uma piora momentânea.
      4. Ao iniciar a atividade sexual, há uma melhora de sintomas, pois a excitação sexual estimula a produção de cortisol. Mas após a ejaculação há uma queda de cortisol, e muitos dos sintomas de SPF podem estar relacionados a cortisol abaixo do nível optimo dessa pessoa.

      Excluir
  9. Moderador,

    Quais as doenças autoimunes ou outras que a finasterida pode funcionar como gatilho?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me permita fazer uma correção. A finasterida, diretamente não causa nenhuma doença auto imune. Indiretamente, se a pessoa desenvolver a Síndrome Pós Finasterida, aí sim, isso pode ocorrer. Mas isso depende muito da tendência genética de cada um. Se você tiver na sua programação genética, o risco de desenvolver uma doença auto imune (mas nunca desenvolveria se não tivesse SPF), há o risco desse problema vir a tona por causa das alterações no seu sistema imune. Você precisa observar se existe um histórico de alguma doença auto imune na família. Mas de uma forma geral, as ocorrências mais comuns são alergias alimentares, de pele e contato. É preciso lembrar também que a própria SPF pode vir a ser considerada no futuro uma doença auto imune. Isso depende do resultado das pesquisas para determinar se outros sintomas são causados por um fator imune.

      Excluir
  10. Moderador, o consumo de óleo de coco faz bem ou mal pra quem sofre de SPF

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Do ponto de vista de inibir 5 alha reductase não interfere. Você teria que consumir uma dose muito grande.

      Excluir
  11. Boa tarde. Reduzi minha dose de 2,5mg de finasterida para 1,25 a 40 dias, pretendo reduzir pra 1mg daqui uns 20 dias. Até o momento nenhum efeito colateral expressivo, com exceção da libido baixa, esperma aquoso, os quais ja havia antes de iniciar a redução da dose. Tenho dois questionamentos ao moderador:
    A redução da dose pela metade a cada 60 dias seria uma boa alterativa para evitar os colaterais mais fortes?
    Existem medicamentos/substancias anti-dht de uso tópico com efeito substancial? sem, é claro, uso de finasterida ou dutasterida nos componentes. Já li algumas coisas sobre o Acido Azelaico e saw palmeto. Tem conhecimento de evidencias sobre estas substancias?
    Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,
      1. Sim, a sua estratégia de reduzir a dose nesse ritmo é boa e ajuda a prevenir um crash.
      2. Qualquer substância anti - dht que você usar pode acarretar prejuízos. O problema é que o conceito de bloquear o dht não é uma alternativa inteligente para o homem, pois é um hormônio muito importante sexualmente.
      No caso do Saw Palmetto, você corre o mesmo risco da finasterida. O ácido azelaico é mais fraco, mas também inibe 5 alpha reductase. Cuidado para não parar a finasterida e continuar no erro com outra substância.

      Excluir
  12. Boa-noite, Moderador. Parabéns pela iniciativa! Preciso de uma grande orientação e ajuda, pois estou totalmente perdido!

    Vamos lá...segura firme, Moderador, que a história é longa...mas pode ajudar muita gente.

    Tenho 40 anos e tomei Finasterida por 20 anos. Isso mesmo, 20 anos de Fina 1mg.

    Honestamente, muito jovem quando comecei, não notei qualquer efeito colateral...então, fui tomando. Preservei a cabeleira? Sim, preservei. Mas não me evitou uma queda completa. Enfim...

    Contudo, em junho deste ano (20 anos de uso de Fina), tudo mudou. Justo e incrivelmente no mesmo período que parei com ela. Coincidência? Talvez! Mas não sei, não...
    Em questão de 1 mês, comecei a me sentir fraco na academia, minha libido começou a cair, meu interesse por sexo foi desaparecendo...e seguida (dia após dia) fui ficando mais cansado, fui ficando preguiçoso, outras mulheres na rua já não me atraiam, fui perdendo todos os estímulos sexuais...e então fui ficando triste, abatido, ansioso, o sono mais leve (acordava e acordo de madrugada para comer - há mais de 10 anos)...em seguida (com o passar dos dias) veio palpitação forte (que me acordava pela manhã), arritmia...e foi indo. Por fim, as coisas passaram a não fazer mais sentido na vida, sobreveio a irritação a tristeza profunda...e, logo depois, a depressão e pensamentos terríveis e perigosos.

    Pane total. Resultado, eu desesperado; família desesperada; amigos desesperados.

    Minha vida tinha parado, mas eu continuava vivo...e precisava lutar (mesmo sem NENHUMA força).

    No princípio, pensei em Fadiga Adrenal...Disbiose Intestinal e certa abstinência do Clonazepam 0.5mg que tomava. Depois, fiquei apenas com a possibilidade de Fadiga Adrenal (afinal, treinava forte musculação e aeróbio, 5 vezes por semana - e desde os 17 anos, ou seja, há 23 anos).

    Em seguida, mês depois, após quase fazer besteira com minha vida, pensei em Fadiga Adrenal associada com Crise Pós-Finasterida.

    Sendo assim, fui (sem brincadeira!) em mais de 16 médicos diferentes em São Paulo (Capital). Todos tiveram uma opinião diferente da minha e da dos outros médicos. Fui em 4 endócrinos, 3 cardiologistas, 2 urologistas, 1 médico do esporte, 1 psiquiatra (para este eu estava com depressão reativa da ansiedade e ponto final!), 1 hematologista, 2 nutrólogos, 1 infectologista, 1 otorrino, 1 oftalmo...e alguns outros que devo estar me esquecendo.

    Fiz, pelo menos, uns 60 teste (entre sangue, urina, saliva e fezes).

    E tudo, POR INCRÍVEL QUE PAREÇA, estava (laboratorialmente falando) normal. Tanto para os índices de uma possível Fadiga Adrenal quanto de uma Crise Pós-Finasterida.

    ResponderExcluir
  13. (Continuando...)

    Veja só:

    Testosterona Total: No Máximo.

    Testosterona Livre: 273 pmol/l (210 a 640 referência).

    DIHIDROTESTOSTERONA (DHT): 465,4 pg/mL (250 a 1070 ref).

    DEHIDROEPIANDROSTERONA: 2,76 ng/mL (1,7 a 6,1 ref).

    Vit. D3: 72

    Cortisol: 13,5 (4 a 18 ref).

    SDHEA: 192,8 (89 a 427 ref).

    FSH: 2,9 (até 10 ref).

    Prolactina: 6 (até 20 ref).

    ESTRADIOL: 2,6 (0,8 a 4,3 ref).

    T3, T4 e T4 Livre (tudo dentro dos parâmetros).

    3-ALFA ANDROSTANEDIOL GLUCORONÍDEO (3 ALFA DIOL): 6,3 ng/mL (Valores de referência: 1,53 a 14,82 ng/mL) - ESTOU BASICAMENTE NA METADE DA REFERÊNCIA!

    Serotonina, Dopamina e outros Neurotransmissores (TUDO OK e DENTRO DO NORMAL).

    ZINCO E COBRE: Estão no limite baixo, mas dentro do índice e em paridade 1 por 1 (o que é importante!).

    TGO e TGP (Normal).

    PTH (Paratormônio - Molécula Intacta): 17,5 (15 a 65 ref).

    TSH: 1,3 (0,45 a 4,5 ref).

    Teste dos Aminoácidos: também tudo ok!

    Magnésio, Cálcio, Vitaminas B, etc etc etc: tudo ok também!

    O restante dos exames...também tudo normal!

    O único valor alto que tive foi do SHBG (Globulina Ligadora de Hormônios Sexuais): 103,7 (13 a 71 é a referência). Mas não creio que seja nada de mais, principalmente se comparado com os demais exames que deram ok. Pode ser inclusive por prática intensa de exercício físico ou alimentação.
    Aliás, Moderador, sigo ou seguia uma Dieta Paleo e quase Primal (há mais de 2 anos). Bem saudável!

    E o único índice meu que é baixo é o do Ácido Úrico 2,0. Mas há anos ele é assim!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse SHBG tá EXTREMAMENTE ALTO, seus sintomas sexuais devem estar relacionados a isso. Sex Hormone Binding Globulin (SHBG), como o nome diz é uma globulina que se liga com a testosterona e a "inutiliza" por isso que a produção de testosterona tá no máximo e a testo livre tá próxima do limite inferior. Tem que baixar isso urgentemente. Melhoras, abç

      Excluir
  14. (Continuando...)

    Vamos lá:

    Após 6 meses de parar com a Finasterida...hoje estou com uma depressão intermitente (vai e volta - mas não tomo remédio), 7 dias bom, 7 dias ruins (alguns muito ruins!), fraqueza, tristeza, mal-estar generalizado, sono leve, sem força, sem ânimo, com palpitações etc etc etc e com uma porcaria de TONTURA que me acompanha todos os dias (mesmo quando estou bom).

    A TONTURA HOJE É MINHA MAIOR QUEIXA (mas no otorrino, no oftalmo e no infectologista nada acusou!).

    Se me estresso (e hoje me estresso com muita facilidade) ou fico frustrado...o meu mundo desaba! Não tenho força para nada!

    Se malho muito, depois fico um lixo. Se malho leve, às vezes fico bem! E se não malho, depois de alguns dias parece que me sinto melhor (mas ainda não tenho certeza...ou se é apenas impressão!).

    Minha libido voltou um pouco...voltei a olhar para as mulheres, as vezes tenho desejo e pensamentos por elas...e alguns dias (dia sim, dia não) tenho ereção - parece que ela depende muito do meu ânimo. Mas sei lá!

    Se transo e ejaculo, quase sempre caio em depressão. Hoje posso ejacular a cada 10 dias, sem ficar mal ou muito mal. Antes, eu nem isso podia. Achei que fosse coisa da minha cabeça, mas fiz testes...e constatei que não era!

    ENTÃO, RESTA A DÚVIDA: Se os exames estão bons (e aparentemente não tenho Fadiga Adrenal nem tenho Síndrome Pós-Finasterida, O QUE "RAIOS" ESTÁ ACONTECENDO COMIGO, COM O MEU ORGANISMO? Não faz NENHUM SENTIDO! Por que essa Tontura? Por que essa Depressão? Por essa libido e ejaculação assim?

    Bem, um Nutrólogo (o único médico a pensar um pouco fora da caixa e a buscar uma solução que não seja antidepressivos) me disse que estou com:

    - Síndrome Pós-Finasterida
    - Fadiga Adrenal Crônica
    - Todos os sintomas de Andropausa
    - E provável inibição da via Dopaminérgica.

    Mas sei que os meus resultados não apontam para isso! A Explicação dele não faz sentido.

    Ele disse que o meu Estradiol estava muito baixo...etc. (Mas ué meu Estradiol está normal...e graças a Deus que não está alto, pois do contrário eu teria ainda mais sintomas de libido (devido a produção de prolactina etc).

    Tudo que os especialistas falam nos Estados Unidos sobre Fadiga Adrenal e sobre Síndrome Pós-finasteria, EU SIMPLESMENTE NÃO ME ENQUADRO PELOS EXAMES E MARCADORES.

    *Um médico não pode nem deveria diagnosticar um paciente apenas pelos sintomas, mas (sim!) pelos testes laboratoriais.

    Sendo assim, este médico me receitou (para me curar!):

    - 6 ampolas de Deposteron (1 por semana) para ver se ela aromatiza e se torna naturalmente estradiol - mas pô se aromatizar vai se tornar estrógeno e eu vou me "lascar" ainda mais...

    - Hidrocortisona Base - mas poxa meu cortisol está normal, mexer com isso pode ser um perigo (eu acho!). Hidrocortisona e para quem retirou as glândulas suprarrenais.

    - DHEA 50mg, pois ele quer deixar meu DHEA próximo de 500. (Mas o meu já está bom e normal!)

    - E mais algumas outras coisinhas!

    O que você acha, Moderador? Acha que realmente isso vai me curar...?

    Acha que realmente estou com SPF e Fadiga Adrenal?

    Alguém teria alguma sugestão?

    Um grande abraço a todos...e desculpem-me pelo longo texto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara, pra mim o melhor remédio foi o tempo. Agora faz três anos que parei de tomar. As coisas começaram a melhorar um ano pós a suspensão do uso...

      Excluir
    2. Paulista.

      Parei de tomar fina a 1 ano. A sua história é idêntica a minha. Apesar de ter tomado por menos tempo (9 anos) os efeitos colaterais que sinto depois de ter parado são os mesmos. Depois de ejacular fico deprimido por uns 3 dias. Tenho um sono péssimo, desmotivado e o que é mais incomoda é uma ansiedade absurda.
      Apesar dos médicos me receitarem antidepressivos para ansiedade e outros medicamentos para dormir, eu recusei todos pois eles interferem na esfera sexual.
      A única coisa que venho tomando é um suplemento chamado tirosina. ela aumenta a quantidade disponível de dopamina e sinceramente tem me ajudado bastante. Nos ultimo 3 meses percebi um bom progresso na minha recuperação mas ainda não esta 100 %. Dizem que a marca de 2 anos é o tempo necessário para a recuperação.

      Excluir
  15. paulista tambem usei durante 8 anos e faz 6 meses q parei. comecei a sentir muita dor nos testiculos ai resolvi para mais senti todos efeito colateral mais o que vem me afetando mais e dores na cabeça todos os dias ja fui em varios medicos. nao sei oque afinasterida faz pq os exames da tudo ok vc sentiu dores de cabeça tambem.

    ResponderExcluir
  16. Não, amigo. Dores de cabeça, eu não senti. Aliás, tenho algumas teorias sobre as dores e possíveis dicas de como melhorá-la.

    O que vou fazer, já que estamos todos no mesmo barco (e praticamente sozinhos!), é adquirir um chip de celular da TIM e deixar o meu número de telefone para que possamos nos comunicar, ajudar, apoiar e trocar informações.

    Afinal, se vamos navegar sozinhos por terras desconhecidas, é muito importante (ao meu ver) que façamos isso unidos.

    Abraços a todos,

    Paulista.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ola paulista vc usou tambem o minoxidil?

      Excluir
    2. Olá, amigo.

      Não. Durante mais de 20 anos, nunca usei Minoxidil. Graças a Deus!

      Excluir
  17. Amigo paulista, tive todos esses sintomas que você está tendo agora, são da síndrome. Não faça reposição hormonal. Deixe que o tempo se encarregue de fazer seu corpo voltar ao normal. Para diminuir um pouco da tontura Tomé chá de espinheira santa ao dormir e de manhã cedo. Essa tontura vem da fadiga adrenal, essa planta ajuda muito. Abraço.

    ResponderExcluir
  18. Bom dia a todos,alguém de vcs que usou finasterida sentiu dores de cabeça,parei com a finasterida a 6 meses e 5 meses q sinto dores de cabeça forte todos os dias,já cortei o glúten, lactose, minha alimentação está sendo totalmente natural,e mais amigos como falou um anônimo não façam reposição hormonal,a testosterona ela poder aumenta com uma boa alimentação,por exemplo eu estava com a testosterona 170 após 3 meses repetir os exames a testosterona está 480,o que náo estou conseguindo entender e essa dor de cabe cá que não passa,por favor alguém de vcs que sentiu essa do de cabeça por muito tempo me responder como conseguiu resolve essa dor e quanto tempo passou p ela sumir,moderador e os anônimos me respondao por favor abraço a todos e que DEUS nos abencoe em nome de Jesus.

    ResponderExcluir
  19. Bom-dia.

    Um dos mecanismos para cura e reversão de dores de cabeça e enxaqueca, obviamente que tudo depende da origem dela, mas creio que servirá ao seu caso, amigo, é a inclusão de boas fontes de gorduras (saturadas, mono e poli) em sua alimentação (em todas!), sobretudo de 1 a 3g de DHA (do Omega 3), pelo menos 4 litros de água por dia (fracionados), atividade física leve e moderada (dia sim, dia não, você deverá suar - sauna ajuda muito também!), bem como averiguar suas adrenais e se há, em sua alimentação ou no ambiente, algum alergênico que esteja causando ou agravando o seu quadro.

    Por isso que prefiro ligação telefônica, pois poderíamos esmiuçar até a raiz o seu problema de dores de cabeça.

    *Magnésio Complex e, pelo menos, 5.000iu de D3 também são fundamentais.

    Mas existe igualmente outras possibilidades... Por isso que o importante é localizar a raiz.

    Abraços a todos,

    Paulista.

    ResponderExcluir
  20. Paulista, não faz sentido isso de "pelos exames eu não tenho SPF". Ninguém sabe muito bem o que a SPF é, por isso mesmo é que a chamamos "síndrome" (isto é, um conjunto de sintomas). Não existe nenhum marcador laboratorial claro de quem tem SPF e quem não tem. Eu mesmo tenho testosterona alta, 3adiolG normal, e no entanto sei que estou com SPF — desde um típico crash, apresento sintomas sexuais semelhantes aos de outros pacientes. Por favor não diga que "um diagnóstico não pode se basear apenas nos sintomas". É justo essa mentalidade que precisamos combater. Já me senti insultado por médicos que, de posse dos meus exames normais, decretavam que eu estava bem, a despeito das minhas queixas. O paciente é o homem, e não o papel. Descartar o relato do paciente é jogar fora todo dado clínico. Em terminologia médica, "clínico" é o que resulta da observação direta da doença. A clínica é a essência da medicina, e no caso de um diagnóstico novo, é lógico que no começo só existem critérios clínicos. Depois é que se descobrem exames laboratoriais. E nem sempre: várias doenças até hoje só admitem diagnóstico clínico. É o caso, até onde sei, do mal de Alzheimer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa-tarde, amigo.

      Sim, por uma lado (definição de síndrome), eu concordo contigo.

      Por outro, com relação aos efeitos orgânicos-hormonais (não psíquicos ou neurológicos) da SPF, discordo prontamente - por todas as pesquisas científicas até hoje divulgadas. Salvo se a parte neurológica/psicológica estiver influenciando e sabotando a hormonal e o eixo (equilíbrio) hormonal.

      Contudo, se esse não for o caso, os marcadores orgânicos possuem certa definição de descompasso e desarranjo (como os indicadores de Test. Total, Test. Livre, 3 Adiol G, DHT, SHBG, Prolactina, Estradiol, D3, LH, FSH, Cortisol etc.). Logo, se todos os marcadores científicos da SPF estiverem ok, 6 possibilidades (uma já relatada acima) subsistem:

      1 - Neurológico atuando sobre o hormonal e/ou bem-estar.

      2 - Os receptores celulares hipoativos para o eixo hormonal.

      3 - Necessidade de ressuscitação mitocondrial (para retorno energético e sintonia orgânico).

      4 - Modificação Epigenética (forma de expressão dos genes - DNA).

      5 - Fadiga Adrenal (Fadiga Aguda das Glândulas Suprarrenais).

      6 - Um reunião (total, parcial ou intermitente) de tudo isso.

      *E SIM, Alzheimer possui, SIM, marcadores - desde Genéticos (DNA) até físicos (motores), psicológicos (neurológicos), orgânicos e ,muito corriqueiramente, sanguíneos (plasmáticos) também.

      Eu procuro a RAIZ do problema, não definições gramaticais.

      Arrisco-me a dizer que os únicos pontos da saúde que inexistem marcadores (mas sim agravantes) são os de traumas psíquicos (por vezes também encontrados em MRI, Cortisol e dosagem de neurotransmissores).

      Keep your mind wide open - e não superficialize a discussão, por favor, amigo.

      Paulista.

      Excluir
    2. Paulista,

      Existem condições médicas sim ainda sem marcadores definidos. Não se sabe se nestas condições os marcadores ainda não foram descobertos ou realmente inexistem. O nosso corpo é muito mais complexo do que imaginamos e inteligente também.

      Sei que é complicado aceitar uma condição quando os marcadores clássicos e conhecidos estão normais. Mas os médicos é que precisam abirr a mente, porque, ao meu ver, a clínica é soberana. Até porque os marcadores e limites definidos variam muito e são definidos em relação a uma média (ver dr. Victor e Lair Ribeiro). Eles explicam bem isso.

      Um exemplo é vitamina b12 que varia entre 190 a 800 os valores ditos normais. Mas neste caso, em se tratando de vitamina, é considerado razoável acima de 400. Enfim, se formos aguardar marcadores alterados na síndrome, nenhum médico ultrapassado vai nos tratar.

      Eu não tinha marcadores alterados mas tive vários efeitos que melhorei quase 100% por conta do blog e de alguns poucos nutricionistas e médicos de vanguarda. E tudo passa pela alimentação e atividade física, nesta ordem de importância. Espero ter contribuído.

      Excluir
    3. Muito bom, amigo.

      Participação e outros pontos de vista de quem enfrentou o problema e melhorou é sempre muito importante e extremamente bem-vinda.

      Pode ter certeza de que você contribuiu.

      Abraços,

      Paulista.

      Excluir
  21. Eu tinha muita dor de cabeça forte, começou a passar e hoje completamente sumiu depois que passei a suplementar com vitamina d e ômega 3.

    ResponderExcluir
  22. Galera,

    Testei essa questão da cueca e realmente comigo funcionou. Eu fiz esta pesquisa na net e realmente o calor imposto pelo uso da cueca pode prejudicar a produção de espermatozoide.

    ResponderExcluir
  23. Boa-tarde, amigos.

    Quero deixar algumas dicas práticas e muito importantes para melhora do quadro da SPF.

    - Higiene do sono (procure dormir e acordar sempre no mesmo horário, descansando entre 8 e 10 horas de sono por noite). O ambiente deve ser totalmente escuro (cortina blackout), sem eletrônicos ligados nem pequenas luzes, sem ruído (eu utilizo protetor auricular) e com temperatura agradável (ou seja, abaixo de 20 graus Celsius).

    - Hidratação (mantenha o corpo sempre muito bem hidratado. Acima de 4 litros de água mineral fracionados durante o dia). Hidratação acelera o metabolismo e elimina toxinas do organismo.

    - Alimentação saudável, natural, colorida, sem conservantes nem aditivos e equilibrada (evite totalmente álcool, cafeína, adoçantes, glutamato de monossódio, soja, glúten e leite e derivados).

    - Pratique exercícios físicos leves (para não sobrecarregar ainda mais suas glândulas adrenais).

    - Utilize ervas adaptogênicas (Rhodiola Rosea, Ashwagandha e Ginseng Panax).

    - Utlize algas (Chlorella broken cell wall e Spirulina).

    - Não mexa com reposição hormonal (utilize Tribulus, Feno-Grego, Maca, Ioimbina e DHEA) nem com detox do organismo através de outras ervas - faça, no máximo, um leve detox com Sal Negro do Havaí (pois contém uma ótima e adequada quantidade moderada de Carvão Ativado).

    - Utilize sempre que possível produtos orgânicos.

    - Pense positivo e tenha fé em Deus. Ore! A fé em Deus faz milagres!

    Abraço a todos,

    Paulista.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Excelente a suas dicas Paulista.

      Só fiquei em dúvida sobre o Tribullus, Feno-Grego, Loimbina e DHEA.

      Posso utilizá-los ou não? Fico em dúvida sobre o Tribullus, pq dizem que ele ajuda a normalizar os níveis de testosterona de forma natural. No caso de pessoas com problemas de calvície, ele pode ser usado ou não?

      E o que seria este DHEA?

      Grato! Obrigado pelas dicas!

      Excluir
    2. Olá, colega. Boa noite.

      Sim, pode utilizá-los em conjunto. E não se esqueça da Maca Peruana.

      Quanto à sua (e de todos nós!) calvície, à medida que seus níveis de Testosterona se elevarem, é bem possível que a queda de cabelo se acentue. Na grave, entretanto. E a tendência é você se sentir melhor do "crash" da Finasterida.

      Iombina, não Lombina!

      DHEA (50mg) pela manhã (ao acordar) também deve te ajudar muito (é um dos pilares de uma recuperação, sobretudo se suas Glândulas Adrenais (assim como as minhas!) estiverem "fritas", cansadas, fadigadas, esgotadas, sobrecarregadas etc.

      Abraço,

      Paulista.

      *A explicação técnica sobre o DHEA é bem longa para se postar aqui. Dê um Google no termo, que você encontrará tudo.

      Excluir
  24. Amigos fiz uso da fina durante 8 anos e faz 6 meses q parei tive vários colaterais mais um deles q não consigo me livra e uma dor de cabeça q sinto todos os dias forte q já está com 5 meses e me alimento com alimentos naturais já cortei grutem, lactose, e todos industrializado não sei mais o q fazer são dores de cabeça muito forte não sei o q a fina fez q sistema ela atingiu e agora começou aparecer umas íngua na axila e pescoço estranho estou meio preocupado. Q estiver lendo esse comentário e q usou fina e passou por isso coloque um comentário esse se alguém de vcs q teve essa dor de cabeça forte por esse tempo e como se curou pq já tentei varias solução e nada. Mais creio que DEUS vai me cura em nome de Jesus

    ResponderExcluir
  25. paulista e vc como ta a sua recuperacao, esta conseguindo melhorar a tontura , pq eu nao consigor melhorar essa dor de cabeça , sao dores de cabeça muito estranhar vamos ver se aparecer algum anonimo q teve e conseguiu cura abraço ficam com DEUS

    ResponderExcluir
  26. Boa-noite, amigo.

    Sim, graças a Deus, minhas tonturas (que na verdade, segundo a neurologista, são mal-estares, e não tonturas) estão gradual e lentamente melhorando. Porém, basta um estresse (físico ou mental) para me tirar do eixo e, por conseguinte, a tontura/mal-estar voltar - mas não tão grave como antigamente.

    Creio que nossos corpos (organismos) estejam passando por uma readaptação e transformação, pelo menos é isso que tenho observado.

    Aliás, estamos aproximadamente o mesmo período de tempo afastados da Finasterida - 5/6 meses.

    Vamos nos curar! Tenho certeza! E não falo isso apenas da boca para fora, não. Eu sinto, eu vejo... e tenho fé em Deus!

    Quanto às suas dores de cabeça e possíveis ínguas (inflamatórias ou hormonais), você já passou em um Neurologista (para tirar algumas dúvidas e, quem sabe, até fazer, se for o caso, uma Ressonância Magnética por Imagem)?

    Gostaria de poder te ajudar, mas precisaríamos conversar por telefone (pois a conversa é longa) para tentar identificar o que está ocorrendo em seu organismo (anamnese completa) e buscar corrigir o problema ou disfunção.

    Glúten, lactose, caseína, antinutrientes, alergênicos, intoxicação por metais pesados, ressuscitação celular, radiação, desequilíbrio hormonal, hipoatividade das suprarrenais, Dysbiosis, Leaky Gut etc. são apenas a ponta do iceberg.

    Pode haver muitas coisas por trás de uma dor de cabeça diária.

    Procure um bom Neurologista (especializado em dor de cabeça e enxaqueca) e depois, caso isso não se resolva pela ajuda dele ou por si só (através naturalmente de seu organismo), ME PROCURE.

    Fique em PAZ, você melhorará - tenho certeza!

    Forte abraço...Deus te abençoe,

    Paulista.

    ResponderExcluir
  27. Paulista e passei em 2 neuro e fiz tomografia e 1 eletroencafalograma tudo normal só na fiz a ressonância. Quando parei com a fina não tinha ideia dos efeito dela passei no neuro mesmo sem ter diagnóstico eles me passaram remédio mais os remédios só aliviava a dor mais não passava e outra esses remédio começou a me da dores nos peito nas costas então comecei a me aprofundar se era por causa da fina foi onde descobri o brog de como tratar aí larguei todos os remédio e comecei a me alimentar naturalmente e cortei os industrializados achei q essa dor de cabeça fosse por causa da testo q no começo estava 170 mais fiz exames a 10 dias e ela está em 480 e os demais exames estão dentro dos conforme.

    ResponderExcluir
  28. Tive dor de cabeca enquanto na fina toda semana. O que resolveu no meu caso foi retirar a cafeina,lembrando que refri, chas tbem contem.

    ResponderExcluir
  29. Tive dor de cabeca enquanto na fina toda semana. O que resolveu no meu caso foi retirar a cafeina,lembrando que refri, chas tbem contem.

    ResponderExcluir
  30. pessoal só um relato q passei, tava com dores de cabeça visão
    tremula como se fosse uma luz q pisca tonturas parecia uma labirintite descubri q era o minoxidil parei com ele tambem demorou uns meses mas passou tudo,fica a dica, boa recuperação a todos

    ResponderExcluir
  31. Moderador, percebi uma mudança nas minhas ereções e não sei se devo ficar preocupado. Após 8 meses enfrentando o pós-finasterida e com efeitos colaterais sexuais apenas minha ereção ficava rígida e firme (com boa angulação), mas o pênis não ficava totalmente inflado (não ficava muito grosso). Já faz alguns dias que a situação se inverteu, agr o pênis fica mais inchado, no entanto a rigidez é menor, bem como a angulação. Devo ficar preocupado ou é algo irrelevante?

    Muito Obrigado por tudo Moderador, vc deveria ser canonizado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara, na minha experiência, isso é normal. Existe essa variação mesmo, não mudou nada. Tem muitos fatores que influenciam nisso. O estresse é um fator que mexe muito com a sindrome pós finasterida. de repente você teve uma semana muito estressantee isso influenciou na ereção. Pelo menos comigo foi assim, já aconteceu isso e depois normalizou.

      Excluir
  32. Boa noite. Achei o blog bem interessante e me identifiquei com muita coisa. Mas estou com uma dúvida:
    Não sei se entendi errado, mas os sintomas da pós-finasterida aparecem somente após você parar de utilizar?
    Caso realmente seja, vos pergunto:
    Como as reações ao parar de utilizar finasterida parecer ser muito mais "assustadoras" que os possíveis efeitos colaterais do medicamento (pelo menos foi assim no meu caso), não seria "menos pior" continuar com sua utilização ao invés de parar?
    Decidi parar, mas tenho receio de novos sintomas aparecerem e com isso piorar uma situação que atualmente está aceitável.

    Desde já agradeço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Há relatos de pessoas que tiveram sintomas durante o uso da fina, e após parar os sintomas continuaram, e há os que tiveram os sintomas iniciados após a interrupção do uso. Durante o uso eu percebi redução significativa do volume ejaculado e após um ano de uso engordei rapidamente cerca de 10 KG, e após parar de usar há dois meses, surgiu a queda da libido e nos últimos dias não consigo ter qualquer ereção.
      Um fato interessante é que alguns dias após parar de usar e perceber a queda na libido, eu voltei a tomar por uns dias e a libido voltou ao normal, e após parar novamente a libido caiu rapidamente, então é certeza que a fina está envolvida nisso.

      Excluir
    2. Certo. Mas e sobre a situação que expliquei no comentário, é "menos pior" continuar com a fina? Tenho duvidas se ao parar nao irão aparecer sintomas mais graves, visto que os sintomas atuais são em proporções aceitáveis.

      Excluir
    3. Eu diria que o problema é que a continuação do uso não é garantia de que as reações adversas não se agravarão. Se você procurar bastante aqui no blog, vai ver no meio do mar de comentários alguns relatos de pacientes que usaram por períodos bem longos, superiores a 10 anos. Um deles, se bem me lembro, dizia que só sentiu efeitos severos com muitos anos de uso. Enfim, continuar usando o fármaco não é garantia de proteção. Parar aos poucos talvez ajude a impedir o famigerado crash. Com sorte, em alguns meses você estará novo em folha. Se o pior acontecer, saiba que pelo menos também é possível a recuperação total, ainda que demorada. Enfim, daqui a 5 anos, eu preferiria ser o sujeito "há 5 anos em recuperação" a ser aquele "há 5 anos adiando o encontro com o destino".

      Excluir
    4. Concordo plenamente!

      Aliás, eu, por exemplo, apenas comecei a sentir os efeitos colaterais da Finasterida no início do 20o (vigésimo) ano de uso. E posso garantir, foi um "soco no estômago" bem pesado... Não desejo ao meu pior inimigo!

      Abraço,

      Paulista.

      Excluir
    5. Muito obrigado, amigos. Vocês me convenceram. Realmente o melhor é parar, não adianta ficar adiando isso.
      Vou parar aos poucos, naquele esquema com os últimos 30 comprimidos. Ja iniciei o processo há alguns dias.
      Daqui algum tempo conto pra vocês como foi.
      Boa sorte à todos.
      Fiquem com Deus.

      Excluir
    6. amigo esta fazendo a escolha certa essa droga e terrivel ela destroi a vida de qualque um q a use . sou uma vitima dela estou com 7 meses q parei mais a situacao ainda e dificil so deus mais vamos vencer essa luta em nome de jesus vai nos comunicando como vc esta indo .

      Excluir
    7. Sou o Anônimo de 31/12/2015.
      Parar de tomar esse veneno é a melhor coisa que qualquer um pode fazer. Quanto mais tempo tomar maiores serão os riscos, como por exemplo a redução do tamanho do pênis devido a interrupção das ereções noturnas e matutinas, que na época nem havia reparado que não estavam ocorrendo, mas agora elas voltaram, frequentemente acordo com o pênis duro.
      Parei de tomar dia 25/10/2015, depois de vários problemas, inclusive impotência total, insônia, fraqueza, entre os dias 28/12 e 02/01/2016, fui recuperando aos poucos, de novo com os autos e baixos, agora parece que está estabilizando melhor e estou com a libido normal, só acho que a ereção não dura o tempo normal, mas o tempo é o melhor remédio.

      Excluir
  33. Sobre esse ultimo comentario, eu estou 2,5 anos off droga, e praticamente ja li quase todo o propecia help,e nao querendo assustar , la vi varios casos em que voltaram a tomar esse veneno e ai o problema sexual ficou persistente no tempo.Boa recuperacao a todos.

    ResponderExcluir
  34. Boa noite amigos pelo q vejo os comentário o único q senti dores de cabeça com efeito da finasterida esta sendo eu não vejo quase ninguém com esse colateral

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro colega,

      Digite no Google: "headache propeciahelp" e verá inúmeros relatos de usuários que relatam o mesmo problema que o seu. Se seu inglês for bom irá ler sem problemas

      Excluir
  35. Novos efeitos surgem quando se para de tomar finasterida? Ou seja, dependendo dos efeitos colaterais, não seria melhor continuar a tomar ao invés de parar? Por exemplo: Se a pessoa estiver sem efeitos colaterais ou somente com efeitos colaterais moderados, há algum motivo para parar? Se sim, quais seriam?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Suponho que você é o mesmo que perguntou antes sobre essa escolha entre parar e continuar. Começo a entender aonde quer chegar. É, é complicado… Sim, um crash severo é possível, com ansiedade, insônia, depressão e várias outras coisas bem piores que os problemas sexuais. Se você é um estudante prestes a fazer vestibular ou algo assim, talvez faça mesmo sentido adiar um pouco a parada. Mas, regra geral, mantenho que acho melhor parar antes que depois. Afinal, pode ser que o menor tempo de uso faça que, mesmo no triste evento de um crash, seus efeitos colaterais sejam bem menores. E também pode ser que não haja crash nenhum e você fique bonzinho da Silva. É a minha opinião: eu pararia.

      Excluir
    2. Muito obrigado, amigo.
      Obs: Respondi no comentário anterior. A resposta também vale pra você.
      Fica com Deus.

      Excluir
  36. Moderador, meu nome é Jeferson.
    Tive, cansaço, fadiga, depressão, disfunção erétil, muita ansiedade, espasmos musculares e falta de líbido após suspender a finasterida.
    Maior parte desses sintomas sumiram após 4 meses, estou no quinto mês, ainda sinto dores no testículo e minha ereção semanas melhora e horas piora. As vezes ela fica rigida, parece que estou curado mas depois volta tudo. É horrivel! Isso é sintoma da sindrome? Fico em uma ansiedade extrema por causa desse problema.

    ResponderExcluir
  37. Continuando...
    Me livrei de parte desses sintomas. O Crash aconteceu dois meses depois da suspensão com o uso do Minoxidil. A a maioria dos sintomas foram sumindo com os meses. No quarto, quinto mês não sinto mais alergias, tenho apenas gases e minha visão que esta ruim ainda. As dores de cabeça passaram mas de vez enquando ainda tenho, tenho tbm umas tonturas vez em quando. A um mês atrás estava tudo se normalizando, estava tudo quase que normal, ereções noturnas e de uma hora pra outra tudo isso sumiu, do dia pra noite. Me masturbei antes de dormir, quando foi no outro dia fui me mesturbar novamente a ereção ja estava ruim, eu não entendi nada! Isso é a sindrome? Me da umas dicas pra sair desse martirio. Já estava até pensando em largar o viagra mas to no sal denovo. Obrigado!

    ResponderExcluir
  38. Amigo quanto tempo VC teve dor de cabeça e como fez para elimina a dor.pq sinto dor de cabeça todos os dias desde de q parei com a fina e são dores de cabeça forte dos sintomas esse e o único q está persistindo. Responder aí como VC fez para conseguiu alivia OK,CEARÁ

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Usei polivitamínicos. A sua vista pode estar alterada por causa da porcaria do medicamento. As minhas dores de cabeça sumiram pq vc esta com miopia. Comecei a usar óculos. Pode ser esse o seu caso.

      Excluir
    2. Ou vc pode estar com alergias alimentares. Preste atenção no que vc come. Eu tive que parar de comer glúten por um longo tempo pq me dava dores de cabeça e enjoo.

      Excluir
  39. Boa noite, moderador....estou enfrentando a síndrome a exatos 3 anos (tempo que parei de usar o maldito medicamento)...eu estava acreditando inclusive que estava totalmente curado acerca de 6 meses. porém um evento novo aconteceu. Estou enfrentando um momento crítico na minha empresa de imensa dificuldade e isso desencadeou um fenômeno grande de stress...resultado...BRAIN FOG...porém isso nunca havia acontecido...estou com minha mente turva, esqueço tudo e algumas vezes nem lembro onde estacionei o carro ou o que fiz 15 minutos atrás. No dia seguinte estou absolutamente lúcido e focado já no seguinte completamente distraído e avoado...alguém tem algo para me orientar e dizer....um médico me disse que bastará eu repousar que voltarei ao normal...será???? Não adianta dividir a situação de SPF com eles que é muitofrustrante...alguém aqui passou por isso????


    Obrigado por tudo!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, que estranho. Mas teve um outro cara que relatou um negócio parecido, acho que ele está em "troca de experiências". Ele disse que tava se sentindo curado, com muita libido, mas que passou por problemas na família (separação) e foi como se tudo voltasse, inclusive os sintomas mentais. Acho até que ele mencionou especificamente isso de estacionar o carro e esquecer onde. Sinceramente, eu não sei mais o que pensar dessa nossa síndrome. Aparentemente ela tem sim um componente psicológico maior do que eu supunha. Talvez eu devesse meditar ou coisa assim…

      Excluir
    2. Quando passamos por situação de estresse volta tudo, impressionante! Que remédio maldito cara.

      Excluir
    3. Mas eu seguiria a recomendação do seu médico. Descansar e ficar longe de problemas por um tempo. Eu tbm passei por isso quando entrei em estresse, esquecia onde estacionava meu veículo. Muito louco isso, quase entro em desespero. Mas temos que ter força em Deus e pedir recuperação. Uma sugestão, use polivitamínico e um complexo de vitamina B12 para melhorar a concentração e a memória. Eu usei o centrum e funcionou.

      Excluir
  40. Mas eu seguiria a recomendação do seu médico. Descansar e ficar longe de problemas por um tempo. Eu tbm passei por isso quando entrei em estresse, esquecia onde estacionava meu veículo. Muito louco isso, quase entro em desespero. Mas temos que ter força em Deus e pedir recuperação. Uma sugestão, use polivitamínico e um complexo de vitamina B12 para melhorar a concentração e a memória. Eu usei o centrum e funcionou.

    ResponderExcluir
  41. Amigos venham participar de um grupo de zap q só tem pessoas que estão passando pela pós finasterida o número é esse 11967283735 vamos troca idéias quem saber podemos ajudar um aos outro o pessoal já estamos se comunicando venham participar CEARÁ

    ResponderExcluir
  42. Boa noite a todos, gostaria de tirar uma duvida tanto com o moderador bem como todos os usuários de finasterida.
    Usei finasterida e nestes últimos tempos tenho vindo a sentir alguns dos colaterais, nada que não se tenha vindo a resolver. 2dias antes de parar finasterida fui fazer exames o meu nível de transaminase glutâmico oxalacética (tgo) encontrava-se em 71 sendo que o valor máximo seria 34...
    Tendo em conta que finasterida pode atuar nas enzimas hepáticas será possível ser disso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 5,7 anos on 2,6 off Sim , a finasterida causa isso em alguns.Alguns medicos pedem esse exame para acompanhamento do paciente na droga. Veja isso tambem

      https://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20130828174950AAqk9jh

      outro
      http://calvicieoforum.saude.ws/viewtopic.php?f=2&t=11555&view=next

      Nao sei a quanto tempo parou , mas devera refazer os exames depois de um tempo.

      Excluir
  43. Boa tarde mediador,eu escrevi pra vc há alguns meses relatando meu uso deste medicamento,e enviei os resultados do meu último exame de sangue da época,eu parei definitivamente o uso em 22 de junho de 2015 e em fins de dezembro do ano passado,mais precisamente dia 28 fiz novos exames de sangue e notei grande melhora em relação aos resultados se comparados com aqueles que fiz quando usava a finasterida.Testosterona total 450(anterior 309 ng/dl) valor ref de 175 a 781 ng/dl,testosterona livre 9,10(anterior 6,13) valor ref de 2,62 a 16,7 ng/dl,prolactina 7,80 valor ref de 2,64 a 13,13 ng/dl,estradiol 22,0 pg/ml valor ref -75 pg/ml.Devo relatar também que tenho certa dificuldade em conseguir o segundo orgasmo durante a relação sexual,mas percebi que isto tem um componente psicológico muito forte então não sei dizer se isso ocorre devido á síndrome ou não,e meus cabelos não estão caindo,estão no estado prévio de antes do início da minha perda capilar,que começou por volta do ano 2000,estão incrivelmente do mesmo jeito,tanto que interrompi o uso do minoxidil a 5% pra ter mais certeza,mas muito provavelmente por que meu DHT está em 228 ng/dl(mesmo resultado obtido quando fiz exame ainda usando a finasterida há cerca de dez meses),quando o normal para um homem é entre 250 a 990 ng/dl e segundo relatos o meu cabelo deveria ter começado á cair tão logo interrompi o uso da medicação.Gostaria de saber sua opinião á respeito

    ResponderExcluir
  44. Boa noite. Parabéns pelo blog, moderador. Excelente. O que você acha do medicamento LATAOPROSTA?

    ResponderExcluir
  45. Srs
    E os efeitos em mulheres?
    Parei de tomar finasterida a 10 meses e sinto dores musculares horriveis.
    Sr moderador, quais as experiencias em mulheres? Pelo amor de Deus, uma luz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Finasterida e uma droga que detona o corpo humano. Seja homem ou mulher. Se usar finasterida jamais pensar em engravidar.

      Excluir
    2. Olá VC e de qual região e quanto tempo usou fina e faz quanto tempo q parou

      Excluir
    3. Sou do Nordeste. Mas, estava fazendo tratamento com um médico especialista famoso em São Paulo. Usei de fevereiro de 2014 até maio de 2015. Parei por causa das dores musculares. O problema é que meu cabelo está caindo todo e as dores não passaram. Não sei o que usar pois, como mulher, é muito mais complicado ficar sem cabelo.

      Excluir
  46. Ola sou de sp. Usei por 8 anos e parei fazem 3. Caso queira conversar temos um grupo no whats. Favor enviar mensagem para 11967283735 - Ceará.

    ResponderExcluir
  47. Pseudônimo Jeferson,

    Boa Tarde Moderador, antes de tudo lhe agradeço pelas informações prestadas nesse blog!
    Sou usuário de Finasterida 1 mg a aproximadamente 15 anos, neste intervalo percebi efeitos colaterais como: grande perda de Libido e desfunção erétil,
    parei alguns meses quando ouvir um comentário que causava efeitos colaterais irreverssíveis!
    Mas quando me consultei com uma dermatologista que me informou que esses efeitos desapareciam quando descontinuava a medicação!
    Então voltei a tomar e percebi perda Total da Libido (desejo Sexual) e perda total da ereção!
    Até então, Tenho recorrido a outra droga chamada Sildenafila (VIAGRA)!
    Não sei exatamente se a ocorrência de outros sintomas tem a ver com a medicação, como por exemplo, dificuldade no aumento de musculos, um aumento razoável da Glicemia chegando a 104 em que o normal é 99.
    Não sei se estou com outros efeitos ainda não detectados, pois ainda não fiz os exames, como diminuiçao da próstata, desequilibrio hormonal, entre outros informados na página!
    Mas com estas informações do Blog e relatos de pessoas que também tomaram 'a Droga! Decidi parar urgentemente! e jamais tomaria esta medicação se tivesse conhecimentos anteriormente dos riscos destes efeitos colaterais!
    Aconselho a todos que não tomem esta Droga e os que estão tomando parem urgentemente! pois, os beneficios estão muito abaixo dos riscos de efeitos colaterais que ás vezes é persistente e irreverssíveis! Causa um Grande desequilíbrio Hormonal! Do que adianta ter cabelos para impressionar as mulheres e na hora H Brochar!
    Quero parar gradativamente, para evitar o CRASH, Me informe por favor, qual a melhor forma!
    Vou enviar esta mensagem p o seu email, me retorne com as informações!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Outros colegas que usaram a Fina e não tiveram a SPF após parar favor informar.

      Excluir
  48. Boa tarde Colegas,
    Quem souber me respondam qual a melhor forma de PARAR DE USAR a Fina para se evitar o CRASH ??

    ResponderExcluir
  49. EXISTE ALGUEM QUE USOU A FINA POR MAIS DE 5 ANOS E DEPOIS QUE PAROU NÃO TEVE A SINDROME PÓS FINA ??
    QUEM NÃO TEVE FAVOR INFORMAR, EU USEI UNS 15 ANOS E ESTOU C CERTO RECEIO ?

    PESSOAL O COLEGA INFORMOU UM GRUPO ZAP PARA COMPARTILHAR EXPERIÊNCIAS SOBRE A SINDROME PÓS FINA.
    QUEM QUISER ENTRAR: 11.9.67283735

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vários usuários não tiveram o famoso CRASH! Mas, é aquela história, cada organismo é um organismo. Algumas pessoas se fodem pra sempre! Então, se for parar, pare aos poucos.

      Excluir
  50. Olá, tomei finasterida por 12 anos, com alguns intervalos, li que inibe a criação de dopamina no recetor D2, poderá isto criar sintomas de parkinson, como tremores? Tenho 36 anos

    ResponderExcluir
  51. Boa tarde,
    Venho a dois anos tomando testoterona sintética, media 300mg semana,
    notei que sempre estou disposto, mas notei que estou ficando careca na área aurela(topo da cabeçá). Vou parar de tomar testo.
    Notei que nao tenho sensibildade a prolactina e estradiol,
    devido algunas drogas, anabolizantes, que tomei e nao senti sensiblidade nas mamas.
    então pelo que entendi, controlando,
    estradiol com famarcos, anastrozol ou aromasin.
    e prolactina com dostinex,
    DHT com finasterida.
    Fazendo exames a cada 3 meses,
    via de regra controlando com farmacos e exames, esses 3 hormonios,
    Acho que pararia o atrofiamento do fólico capilar?
    o finasterida, inibi e reduz o tempo que eu estiver tomando correto, e se euu parar de tomar, os niveis de DHT mantem?

    ResponderExcluir
  52. Olá, tomei finasterida durante mais ou menos 20 anos. Ao nível sexual e corpo não noto qualquer alteração anormal. Ganhei alergias (que tenho a certeza ser efeito colateral). De há uns 5 anos para cá noto as dificuldades mentais que tem alturas piores e alturas que parece normal. Existe um sensação de rigidez do cérebro e perda de flexibilidade, uma sensação de falta de oxigenação...Agora deixei de tomar. Há uma semana...Tenho uma duvida que se relaciona com o aparecimento de vitiligo há cerca de 12 anos atrás, conhecem relação? e em relação ao cerebero será que retomará sensação normal? obrigado

    ResponderExcluir
  53. Alguém que toma ou tomava a fine e desenvolveu vitiligo?

    ResponderExcluir
  54. Vem pro grupo de pós finasterida q vc vai ter muita informação o num 011967283735

    ResponderExcluir
  55. Vem pro grupo de pós finasterida q vc vai ter muita informação o num 011967283735

    ResponderExcluir
  56. Moderador,

    Vc saberia me dizer qual seria a média considerada normal para minha idade (29 anos) do exame 3 Alfa Androstanediol? Esse hormônio quanto mais alto o resultado melhor?

    Tomei a Finasterida durante uns 3 anos intercalados. Já vai fazer 2 anos que parei, mas percebi alguns sintomas relacionados a sexualidade há mais ou menos 1 ano e penso que pode estar relacionado. Às vezes tenho dificuldade de ficar excitado, sendo que até bem pouco tempo ficava excitado só de pensar em sexo. Notei também uma diminuição considerável na intensidade do orgasmo. Nunca fiz dosagem de nenhum hormônio sexual até então. Pelo que vejo nos comentários aqui e em alguns fóruns, todos que realizam o exame 3 alfa diol obtém resultado pouco acima do valor de referência mínimo. Por isso pergunto sobre o valor normal para minha faixa etária. Posso estar falando uma bobagem, mas acredito que o resultado de um homem da minha idade deve ter um valor bem mais alto do que o de um de 40-50 anos, não? Assim como ocorre com a Testosterona...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em outras perguntas como a sua ele respondeu que tem que estar na parte superior da escala de referência. Um valor mais próximo do topo da escala que do meio.

      Excluir
  57. Olá,caros amigos do blog. Utilizei finasterida por um período de 2 anos, que foram dos meus 18 aos 20 anos de idade. Nesse tempo,tive efeitos colaterais perceptíveis e comuns ao uso da finasterida, como: diminuição da libido,ejaculação aguada e desregulada( tinha ejaculações esporádicas sem sentir tesão),cansaço, fadiga, muito sono e uma perda significante de massa muscular. Percebi, então, que algo de errado estava ocorrendo comigo, foi aí que resolvi fazer todos os exames hormonais. E,para minha tristeza, todos eles estavam alterados: Testosterona,DHT,Estrogênio,Prolactina,FSH,LH,e o famoso 3 G ADIOL. Após verificar o resultado dos exames,parei de usar finasterida e procurei alguns médicos, e então, um deles receitou medicamentos para eu recuperar a estabilidade do meu eixo hormonal. Usei dostinex para abaixar a prolactina elevada, e letrozol( anti aromatizante usado para abaixar os níveis de estrogênio e aumentar os níveis de testosterona) pois bem,depois disto,refiz os exames e meus resultados melhoraram bastante. A testosterona voltou ao normal,o LH estabilizou-se, O FSH aumentou mas eu ainda continuava ejaculando água,estrogênio estabilizou um pouco e a prolactina abaixou, estabilizando-se. O grande inconveniente que eu estou sentindo e tenho plena convicção que é devido à Síndroma Pós Finasterida,são crises momentâneas de ansiedade e desespero( sem motivo algum),mesmo após parar de tomar o medicamento há quase 2 anos, continuo com esse problema. De repente,entro em estado de pânico e fico por poucos minutos, depois volto ao normal. Porém,é uma sensação horrível.Como meu 3G Adiol deu baixo,é devido a ele que estou com esse problema? Algum de vocês recomendariam algum medicamento, seja ele pra dopamina,serotonina,ou qualquer outra coisa,para etabilizar meu emocional? O que devo fazer ? Obrigado, e vamos trocando informações.

    ResponderExcluir
  58. O número para quem quiser fazer parte do grupo de wat zap pós finasterida e esse 011967283735

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tentei adicionar esse numero e não está ativo!
      Alguém sabe de algum outro grupo?

      Excluir
  59. usei finasterida por mais de tres anos. parei recentemente porque começei a me sentir mal. pes formigando 24 hs, confusao mental e muita mas muita tontura a ponto de nao poder sair de casa. o que faço?? estou tomando muito liquido e procurando manter a calma. obrigada sandra do rio de janeiro

    ResponderExcluir
  60. me dersculpe, esqueci de mencionar a minha idade tenho 67 anos e tambem sinto muitas dores musculares

    ResponderExcluir
  61. Olá, gostaria de saber se tem alguma opnião sobre a segurança do uso da Latanoprosta para calvície. Obrigado por manter este blog, foi fundamental pra mim e acredito que o é para muita gente. um abraço.

    ResponderExcluir
  62. E o moderador,alguma notícia dele,se tá vivo,ou foi abduzido,ou o cabelo dele começou a cair tanto que ficou deprimido com a careca e sumiu?

    ResponderExcluir
  63. Oi. Gostaria de saber o que devia comer para ter um nivel mais elevado de DHT? OBRIGADO.

    ResponderExcluir
  64. Tem que comer muita periquita,galinha,piranha...
    Menos cachorra,só se vc estivesse na China!

    ResponderExcluir
  65. Pra mim, a finasterida foi uma invenção dos homossexuais pra se vingar dos homens héteros,porque tem todos esses relatos de homens se queixando de perda de interesse por sexo,até mesmo total falta de atração por mulheres,logo esse medica\mento,essa verdadeira droga maligna foi a vingança deles que com certeza pensaram que já que os homens de verdade não querem nada com a gente,com a veadada,também não vão ter nenhum interesse em mulher!

    ResponderExcluir
  66. Estou com a Síndrome desde o começo de 2015.
    Usei somente por 30 dias e mesmo assim persisti ate os dias atuais.

    ResponderExcluir
  67. E quanto ao uso de Saw Palmetto? Usei por 5 anos, prescrito pelo dermatologista, acompanhei nos 3 primeiros anos com os exames e consultas regulares, depois continuei a tomar e nao fui mais a consultas, porém em Maio do ano passado (2016) tive uma crise forte de panico (até então nem sabia o que era isso), pensei que fosse morrer…tratei com psiquiatra por 6 meses com medicação, agora estou quase normal, apenas com alguns tremores volta e meia, isso teria alguma relação com o Saw Palmetto? visto que a idéia dele tbm é baixar o DHT do corpo, nunca tomei Finasterida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saw palmetto é finasterida natural, tomei isso depois de quase recuperado da finasterida e minha vida acabou.

      Excluir
  68. vou tentar resumir a história...
    tomei esse medicamento por muito tempo de 7 a 9 anos, sempre tive predisposição para calvície, estou aproximadamente 2 anos sem tomar tenho 34 anos nesse momento, uma coisa que percebi hoje com o relato de todas essas pessoas é que eu tb senti alguns efeitos colaterais desse medicamento em quanto tomava e depois que parei.
    mesmo depois de 2 anos eu vejo que meu corpo esta melhorando ainda, e um detalhe interessante, parece que quanto mais os meus cabelos caem, melhor me sinto, só depois de 2 anos acho que meu corpo está voltando a ter o vigor que tinha, detalhe meus cabelos estão despencando.

    acreditem quado eu tomava o fina, eu me sentia um velho, depois de parar e 2 anos passados, recentemente aconteceu algo muito interessante, perdi uns 5 6 quilos em 2 ou 3 semanas, e notei uma rápida aceleração na queda dos meus cabelos, detalhe eu nem era gordo, não malho, mas sinto toda musculatura do meu corpo mais ágil e forte, é impressionante, estou voltando a ser o que era, mesmo depois de 2 anos, parece bem coerente uma das explicações que vi no texto (""As células do corpo continuam respondendo a hormônios. Ela não responde ao DHT. A finasterida é um inibidor de 5 alpha reductase irreversível. O receptor que ela bloquear, está bloqueado. Só com renovação da célula, o que é mais demorado."")

    ou seja, rezem para que seus cabelos voltem a cair, infelizmente, este é o nosso estado natural, e quando vocês se sentirem deprimidos, olhem ao redor de vocês, e percebam que existem muitas pessoas que gostariam de ser carecas, e terem saúde, terem as pernas, os braços, sanidade, bondade, visão, audição, e lembre-se se você acha que algo falta em você, melhore suas outras qualidades, sejam pessoas melhores mais cultas, elimine os pensamentos de que as pessoas não vão gostar mais de você por ser careca, isso vai acontecer, mas muitas outras pessoas poderão conhecer e gostar da pessoa que você será!

    mesmo isso parecendo um texto religioso não é, eu sou ateu, e eu acredito nas pessoas, e em vocês!

    ResponderExcluir
  69. Interessante os relatos escritos aqui, sem alguém tem alguma duvida sobre os efeitos colaterais dessa medicação acho melhor não ter mais... De toda forma por mais que se procure estudos científicos sobre o tema não se encontra... (será porque né???)

    ResponderExcluir
  70. Pessoas que usam finasterida,É comum a pessoa sentir mal estar geral, vista embaçada como se tivesse com hipoglicemia ??
    Pela segunda vez isso está acontecendo durante o uso de funasterida 1mg (3anos). Problemas de libido ou ereção nao tenho esses problemas!

    ResponderExcluir